Sonae vai analisar “com rigor e firmeza” acusação da Concorrência ao Continente

Em causa está a acusação da Autoridade da Concorrência a seis grupos de distribuição alimentar, incluindo o Modelo Continente, e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor.

Continente

A Sonae MC afirmou hoje que vai analisar “com total rigor e firmeza” a acusação feita pela Autoridade da Concorrência (AdC) ao Modelo Continente Hipermercados de concertar preços de venda ao público, prejudicando o consumidor.

Seis grupos de distribuição alimentar, incluindo o Modelo Continente, e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela AdC de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor.

“Lamentamos a forma como a Autoridade da Concorrência coloca de novo em causa o bom nome e a reputação da Sonae MC e da sociedade por si participada sem garantir previamente o direito de defesa, uma vez que a acusação representa apenas uma fase provisória, ainda sujeita ao exercício do direito de defesa das partes envolvidas”, refere em comunicado a Sonae MC.

Segundo a nota da Sonae, “os termos das acusações serão analisados com total rigor e firmeza no sentido de, em momento e lugar próprio, serem utilizados todos os meios ao alcance, com vista à salvaguarda dos direitos, reputação, valores e integridade da Sonae MC e da sua participada”.

“A Sonae MC está ciente das suas obrigações legais e reitera o seu compromisso de conduzir a sua atividade no estrito cumprimento da lei, concretamente no que concerne a regras em matéria de concorrência”, refere ainda o grupo retalhista.

A AdC anunciou hoje em comunicado que, após investigação, “concluiu que existem indícios de que Modelo Continente, Pingo Doce e Auchan utilizaram o relacionamento comercial com os fornecedores Sumol+Compal e Sogrape para alinharem os preços de venda ao público (PVP) dos principais produtos daqueles, em prejuízo dos consumidores”.

Nas bebidas não alcoólicas e sumos, a acusação da AdC visa também a cadeia de distribuição Lidl e, nas bebidas alcoólicas, abrange as cadeias Intermarché e E-Leclerc, referindo a autoridade que estes distribuidores representam “uma vasta” percentagem do mercado da distribuição em Portugal.

Ler mais
Relacionadas

Pingo Doce “repudia” acusação da Concorrência de concertação de preços

O Pingo Doce garantiu que “repudia a acusação feita e vai contestá-la, não deixando de apresentar os seus argumentos num processo em que estamos seguros da nossa conduta e do nosso trabalho diário.
Michèle Rubirola

Ecologista Michèle Rubirola confirmada como presidente de Marselha

Médica e ativista de 63 anos é a primeira mulher a governar a segunda maior cidade francesa e põe termo a 25 anos de domínio da direita. Vaga de vitórias ecologistas nas eleições municipais também inclui Lyon, Estrasburgo e Bordéus.

Auchan nega acusação da Concorrência de concertação de preços

O grupo retalhista Auchan negou hoje a acusação da Autoridade da Concorrência (AdC) de concertar preços de venda ao público, prejudicando assim o consumidor.
Recomendadas

Linha de apoio a micro e pequenas empresas disponível a partir desta quarta-feira

Para se poderem candidatar, as empresas terão de apresentar uma quebra abrupta e acentuada de pelo menos 40% da sua faturação, e não poderão ter beneficiado das anteriores linhas de crédito com garantia mútua. A SPGM avisa que as empresas em dificuldades não podem ter sede em países ou regiões com regime fiscal mais favorável (‘offshore’)”.

Farmacêutica Pfizer inicia ensaio clínico com quase 30 mil participantes

A farmacêutica norte-americana Pfizer e a biotecnológica alemã BioNTech iniciaram um ensaio clínico de uma potencial vacina para a Covid-19 envolvendo cerca de 30 mil participantes, foi anunciado esta quarta-feira.

Facebook lança versão do Tik Tok através do Instagram

O Reels é a aplicação que a empresa de Mark Zuckerberg criou para fazer frente ao rival Tik Tok. O lançamento acontece dias depois sa Microsoft anunciar as negociações para adquirir as operações nos EUA da aplicação de video da ByteDance na China.
Comentários