Supercomputador português vai ter investimento de quase 2 milhões de euros

Este investimento é feito no âmbito do projecto BigHPC e chama-se Minho Advanced ComputingCenter (MACC).

INESC TEC

O Minho Advanced ComputingCenter (MACC), em Braga, é um dos dois supercomputadores a nível mundial que vão receber, até 2023, um investimento de quase dois milhões de euros para melhorar o seu desempenho. O outro será o TACC (Texas, Estados Unidos).

Este investimento é feito no âmbito do projecto BigHPC (A Management Framework for Consolidated BigData and High-Performance Computing), liderado pela empresa nacional Wavecom, em parceria com o INESC TEC e o Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas (LIP) e a Universidade do Texas.

Os quase dois milhões de euros (1,922 milhões) que serão investidos nestes dois supercomputadores vêm do Programa COMPETE 2020 e da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT). Um dos objetivos é acelerar «descobertas na área da saúde», esclarece o INESC TEC.

«O projeto potenciará a aceleração de descobertas científicas em áreas como a saúde e ciências naturais que são de momento suportadas por serviços HPC, ao permitir executar um número muito grande de cálculos, que de outra forma levariam meses ou anos», diz João Tiago Paulo, investigador do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC).

PCGuia
Recomendadas

Huawei confiante que vendas não serão penalizadas pelo atraso do 5G em Portugal. Um quarto dos smartphones vendidos no país são Huawei

A Huawei lançou este mês uma nova gama de smartphones com capacidade de aceder à rede 5G. Apesar da rede ainda não estar ainda disponível em Portugal, a marca chinesa não vê obstáculos nas vendas. Empresa garante que 25% dos smartphones em Portugal são Huawei e prevê crescimento de receitas na operação global da marca no país.

Huawei já vende 50% dos smartphones sem serviços da Google. App Gallery já tem mais de 100 ‘apps’ portuguesas

A Huawei passou no desenvolvimento de serviços móveis próprios e hoje em dia metade do seu portefólio de smartphones já não depende da Google. A parte mais visível dessa aposta é o desenvolvimento da loja própria de aplicações móveis, que já conta com mais de 100 ‘apps’ portuguesas.

Prémios EEPA: Estes são os projetos que vão representar Portugal na final europeia

“Portugal Bike Value” e “HOSPES by AHP” foram os dois vencedores nacionais dos European Enterprise Promotion Awards 2020, uma iniciativa da Comissão Europeia que é coordenada pelo IAPMEI.
Comentários