TAP passa a voar para apenas 15 destinos a partir de 23 de março

Redução de voos da TAP vigora até 19 de abril. As restrições de voos por parte dos Estados Unidos ou por parte da União Europeia face a destinos extracomunitários, a par de cancelamentos de voos, contribuíram para a decisão da TAP em suspender a maior parte da operação em plena crise do coronavírus.

A crise provocada pelo coronavírus está a ter um grande impacto negativo na operação da TAP. A companhia aérea portuguesa anunciou hoje que “vai reduzir temporariamente a sua operação com efeitos a partir de 23 de março de 2020 e até 19 de abril de 2020”.

“Durante este período a TAP prevê continuar a operar 15 [ver lista abaixo] dos cerca de 90 destinos que operava, sendo que esta decisão pode ser revista a qualquer momento sempre que as circunstâncias assim o exijam”, de acordo com a companhia aérea em comunicado.

A contribuir para esta decisão estão os “sucessivos anúncios de restrições” de voos, como “principal medida de contenção do COVID-19”, por parte de vários países nas geografias em que a companhia opera.

Simultaneamente, a “acentuada queda da procura, fatores que têm gerado inúmeros e sucessivos cancelamentos de voos e suspensões de rotas, que têm vindo a ser comunicados pela TAP aos passageiros e público em geral”, também contribuíram para a decisão de suspensão da maior parte da operação.

“Nas últimas 24 horas verificaram-se evoluções significativas das condicionantes acima referidas e, em consequência, a TAP vai reduzir de forma expressiva a operação e parquear grande parte da sua frota de aviões”, segundo a transportadora aérea.

Desta forma, a empresa mantém voos diários entre Lisboa e Porto, Funchal, Ponta Delgada e Terceira. Para a Europa, vai manter vários voos semanais entre Lisboa e Amesterdão, Paris, Londres, Frankfurt, Genebra, Luxemburgo. Fora da União Europeia, a companhia vai manter dois voos semanais entre Lisboa e Newark, Boston, Toronto e Miami.

TAP: Informação para clientes afetados pelos cancelamentos

“Os clientes afetados pelos cancelamentos de voos neste período, poderão ir ao site refunds.flytap.com para obter o seu voucher no valor pago pela aquisição do bilhete, para que possam decidir tranquilamente para onde e quando querem viajar.

Este voucher permite viajar no prazo de um ano para qualquer destino operado pela TAP, reservando em www.flytap.com, sem necessidade de recorrer ao contact center.

A situação evolui de forma muito dinâmica. A TAP atualiza toda a informação relativa ao impacto do surto de coronavírus na sua operação em https://www.flytap.com/pt-pt/ultimas-atualizacoes e solicita aos seus clientes com voos ainda não cancelados que consultem a informação sobre o estado do seu voo antes de se dirigirem ao aeroporto”.

Ler mais
Relacionadas
TAP Portugal

Covid-19: TAP garante que clientes podem alterar reservas ou cancelar viagens com reembolsos a 100%

A transportadora aérea nacional garante a emissão de ‘vouchers’, que poderão ser utilizados no prazo de um ano para outra viagem para qualquer destino.
TAP Portugal

Covid-19. Proibição de Trump deixa em terra 49 voos semanais da TAP para os Estados Unidos

Entre 2014 e 2019, este mercado passou da nona posição em termos de vendas para a terceira posição, pesando 13% nas vendas da TAP, apenas atrás de Portugal e do Brasil. TAP arrisca-se a ter de cancelar quase 200 voos para os EUA devido à proibição de Trump para tentar conter coronavírus nos EUA.

Apoios públicos à TAP vão depender “do que as grandes companhias conseguirem negociar com a UE”, diz fonte do sector

Os apoios que a TAP possa receber para enfrentar a crise do Covid-19 dependem do sucesso das negociações da Lufthansa e da Air-France-KLM – entre outras grandes transportadoras aéreas – com as autoridades da União Europeia, explica ao JE uma fonte conhecedora do sector.

Covid-19: TAP vai enviar aviões para repatriar portugueses presos em Marrocos

Cerca de 80 portugueses encontram-se retidos no aeroporto daquele país. Aviões da TAP deverão chegar ainda esta tarde.

Covid-19: TAP pede a trabalhadores para gozar férias de anos anteriores

Já os trabalhadores com filhos menores de 12 anos, “podem utilizar a medida de exceção definida pelo Governo de Assistência à Família, no âmbito do encerramento dos estabelecimentos escolares decretado”.

Covid-19: TAP alarga situações em que permite alterar voos sem penalizações

“Para viagens reservadas antes de 8 de março e para voos com partida até 31 de maio, os clientes podem agora alterar a sua viagem e até o destino, para novo voo a ser feito até ao prazo alargado de 31 de dezembro, sem pagamento de qualquer taxa de alteração”, indica a TAP em comunicado.
Recomendadas

Serão os jogadores a pagar a crise no futebol português? Amanhã há ‘Jogo Económico

Numa crise sem precedentes, alguns dos clubes mais poderosos do mundo já anunciaram cortes significativos nos salários. Como será em Portugal? Joaquim Evangelista, presidente do Sindicato de Jogadores Profissionais de Futebol, é o convidado do programa ‘Jogo Económico’ que vai para o ar esta sexta-feira.

Parlamento quer ouvir Miguel Frasquilho sobre lay-off da TAP a 14 de abril

Assembleia da República aprovou por unanimidade a proposta do Bloco de Esquerda para ouvir, “com carácter de urgência”, o presidente do Conselho de Administração da TAP sobre a situação atual da empresa e a política laboral e comercial.

Diretores de jornais e revistas lançam apelo: diga não à pirataria

Numa iniciativa inédita, os diretores dos principais jornais e revistas de Portugal juntaram-se num apelo conjunto aos leitores para que digam não à pirataria. O jornalismo de qualidade só será viável se tiver o apoio dos seus leitores.
Comentários