Tecnológica BOLD faz parceria com Ministério da Economia

Empresa de Bruno Mota vai com a Google Cloud ajudar duas comunidades tecnológicas apoiadas pelo Governo.

A BOLD by Devoteam estabeleceu uma parceria com a Google Cloud e o Ministério da Economia e da Transição Digital, revelou Bruno Mota, CEO da consultora tecnológica, ao Jornal Económico. Objetivo? Apoiar duas comunidades tecnológicas na adopção de ferramentas colaborativas, as mesmas que são usadas pela empresa portuguesa na sua atividade diária.

Bruno Mota destaca a importância desta parceria num momento crítico da nossa história coletiva. “Numa altura tão difícil para o país é extremamente importante para nós sermos escolhidos juntamente com a Google para ajudar o Governo neste combate”.

A colaboração com a Google e a BOLD visa o fornecimento de licenças de GSuite para serem utilizadas pela Tech4Covid e pela VOST, organizações que o Ministério de Pedro Siza Vieira está a apoiar no âmbito do combate ao Covid-19.

Criada pela comunidade tecnológica para desenvolver soluções que ajudem sobretudo profissionais e unidades de saúde, a Tech4Covid já lançou cerca de 10 soluções, entre as quais consultas online, alojamento, aplicações de entregas e de rastreamento ao estado de saúde. Outras soluções estão na forja. Por seu turno, a VOST Portugal – Associação de Voluntários Digitais em Situações de Emergência – é um movimento de cidadania digital, que junta para cima de 120 pessoas dos mais variados perfis e competências.

A partir de agora, ambas comunidades terão acesso ao GSuite, um conjunto de serviços que a Google oferece aos colaboradores de uma empresa ou organização para poderem trabalhar remotamente. Desde e-mail, calendário, passando por documentos da mais diversa índole – tudo está integrado, sendo facilmente partilhado por colegas de trabalho e equipas, o que permite a colaboração e edição de ficheiro em simultâneo e de forma remota.

“Esta parceria e o estarmos a apoiar estas comunidades é o reconhecimento de que estamos na vanguarda das soluções tecnológicas, mas também um sinal da nossa competência como empresa e da nossa capacidade de resposta, além, claro, de motivo de orgulho para todos os nossos colaboradores”, salienta Bruno Mota.

A BOLD assegura cerca de 750 postos de trabalho qualificados, muitos dos quais engenheiros, informáticos, programadores, sendo consistentemente considerada uma das melhores empresas para trabalhar em Portugal.

A consultora é especialista em serviços de consultoria, tecnologias da informação e telecomunicações, com destaque para a área da cloud, foi criada em 2009 por iniciativa de dois jovens, um dos quais Bruno Mota. Em 2018 integrou o grupo multinacional Devoteam, que a transportou para a cena internacional.

Artigo publicado no Jornal Económico de 03-04-2020. Para ler a edição completa, aceda aqui ao JE Leitor

Ler mais
Recomendadas

Estudo revela que três em cada dez startups do Porto correm o risco de fechar

O relatório “Impacto da Covid-19 nas Startups do Porto”, elaborado pela Porto Digital, FES Agency e Aliados Consulting, revela que 31,7% das startups têm até três meses de capital disponível.

PremiumMontepio Crédito defende CFEI para capitalizar empresas

Pedro Gouveia Alves realça que este instrumento de crédito fiscal já deu provas positivas em 2014. Autonomia financeira do setor ronda apenas os 20%.

PremiumProibição dos festivais até ao final de setembro “é uma catástrofe para centenas de empresas”

Todos os serviços que estão integrados na realização de um festival musical estão a ser afetados pela lei que proíbe a realização desse tipo de eventos.
Comentários