Tecnológica Didimo recebe investimento de 1 milhão de euros

A startup do Porto, que se dedica a criar “humanos digitais”, recebeu em dezembro um financiamento de mais de 6 milhões de euros. A nova ronda teve por trás a Armilar Venture Partners, a Bright Pixel e a PME Investimentos.

Em menos de um ano, a startup portuguesa Didimo recebeu mais de 7 milhões de euros de investimento. A tecnológica do Porto, que se dedica ao desenvolvimento de humanos digitais para empresas consumidores, anunciou esta terça-feira que levantou 1 milhão de euros, que se vêm juntar ao montante arrecadado em dezembro de 2019 (superior a 6 milhões de euros)

A nova ronda de financiamento foi liderada pela sociedade de capital de risco Armilar Venture Partners (por via do Tech Transfer Fund), tendo contado também com a participação da Bright Pixel e da PME Investimentos, em colaboração com o fundo de coinvestimento 200M.

A empresa fundada por Verónica Orvalho, cuja tecnologia permite que as pessoas criem um “gémeo digital” com maior autenticidade, pretende despender o capital levantado no desenvolvimento de produto e no crescimento da equipa – prevê-se o recrutamento de, pelo menos, mais oito pessoas.

“Voltar a atrair capital representa um enorme incentivo para a equipa e prova que a nossa missão de derrubar as barreiras entre os mundos físico e digital é relevante para o mercado. Vamos continuar a trabalhar para devolver a humanidade às interações digitais”, afirma a CEO, em comunicado.

Nascida em 2016, a Didimo – que em grego significa “gémeo” – tem hoje 27 colaboradores distribuídos pelos escritórios da cidade Invicta, de Vancouver e de Delaware (anteriormente tinha também em Londres) e trabalha com multinacionais como a Sony, Amazon, CeekVR ou Farfetch. A startup prepara-se agora para lançar nova versão da sua plataforma e da aplicação para sistemas operativos iOS e Android no mercado.

“Tendo em conta a digitalização da economia e a importância de garantir uma excelente experiência aos utilizadores, vemos uma grande oportunidade para a tecnologia da Didimo ser relevante em setores como o retalho e o gaming”, refere Marco Fernandes, presidente do conselho de administração da PME Investimentos.

Ler mais
Recomendadas

Avila Spaces nomeado para melhor coworking do mundo nos Global Startup Awards

A empresa portuguesa Avila Spaces está nomeada para melhor coworking do Mundo

Too Good To Go já ‘salvou’ mais de 350 mil refeições do desperdício em Portugal

Este número de refeições reaproveitadas equivale a quase 900 toneladas de CO2 (dióxido de carbono) que não foram libertados para a atmosfera, caso essas refeições fossem desperdiçadas.

Programa ‘Mais Ajuda’ vai dar mais 333 mil euros à inovação social e apoio a idosos

É a segunda edição do programa. As candidaturas já abriram e decorrem até 28 de fevereiro.
Comentários