PremiumUEFA tem “puzzle difícil de montar”, mas acredita que 80% das ligas serão concluídas

Organismo europeu está a fazer esforços para que as ligas nacionais sejam concluídas. Também quer concluir a Liga dos Campeões e a Liga Europa, mas nenhuma decisão será “inconsciente”.

A pandemia da Covid-19 expôs a fragilidade do futebol enquanto indústria e setor económico, depois de as principais ligas europeias terem suspendido as competições desde a segunda metade do mês de março, o que tem provocado graves constrangimentos na saúde financeira de federações, ligas, clubes e jogadores, sobretudo na Europa, onde o futebol tem estatuto de desporto rei. Mas volvidos cerca de dois meses, as ligas europeias preparam o regresso dos campeonatos nacionais (a liga portuguesa tem regresso marcado para dia 3 de junho, embora sem adeptos nas bancadas) e o presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, acredita que 80% dos campeonatos do Velho Continente serão concluídos.

O Jornal Económico conversou com o antigo jornalista Pedro Pinto, que passou pela CNN, foi diretor de comunicação da UEFA e atualmente é consultor e apresentador de eventos do organismo que regula ao futebol europeu, para melhor enquadrar o que está acontecer, numa altura em que a entidade desportiva trabalha a todo o gás para salvar o futebol europeu.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

PremiumApertem o cinto: ‘downgrade’ está a chegar à Liga portuguesa

Passes de jogadores desvalorizados, poder negocial todo do lado de quem compra, orçamentos que vão ter de ser adaptados à redução de receitas que se espera nos próximos anos, com bilheteira e patrocínios a cair e a operadora NOS a deixar de assegurar um terço das receitas da Liga a partir de junho de 2021. A pandemia acelerou a crise do futebol português e ninguém poderá desenvolver imunidade tão cedo.

Lisboa pode receber final da Liga dos Campeões já este ano, avança “New York Times”

A final da Liga dos Campeões está agendada para Istambul, mas vários órgãos de comunicação social internacionais, como o ‘New York Times’, avançam que a final pode decorrer em outro local, sendo Lisboa uma das hipóteses.

Sporting firma parceria com EDP e equipa Academia de Alcochete com 600 painéis solares para autoconsumo

A parceria prevê projetos de eficiência energética e sustentabilidade, a par com um novo contrato de fornecimento de energia, que vão permitir ao clube poupar pelo menos 180 mil euros por ano na fatura energética.
Comentários