Um em cada três postos da Auchan estão fechados

O grupo Auchan conta com 29 postos de abastecimento de combustível em Portugal. Fonte da retalhista disse à Lusa que está previsto que os 30% de postos encerrados reabram “até final do dia”.

A Auchan tem 30% dos postos de combustível “fechados”, mas está previsto que reabram “até final do dia”, disse esta segunda-feira fonte oficial da cadeia de retalho à Lusa.

Os postos que estão encerrados, de acordo com a mesma fonte, fazem parte da Rede de Emergência de Postos de Abastecimento (REPA), adiantou a mesma fonte.

O grupo Auchan conta com 29 postos de abastecimento de combustível em Portugal.

Os motoristas cumprem hoje o primeiro dia de uma greve marcada por tempo indeterminado e com o objetivo de reivindicar junto da associação patronal Antram o cumprimento do acordo assinado em maio, que prevê uma progressão salarial.

A greve foi convocada pelo Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) e pelo Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias (SIMM), tendo-se também associado à paralisação o Sindicato dos Trabalhadores de Transportes Rodoviários e Urbanos do Norte (STRUN).

O Governo decretou serviços mínimos entre 50% e 100% e declarou crise energética, que implica “medidas excecionais” para minimizar os efeitos da paralisação e garantir o abastecimento de serviços essenciais como forças de segurança e emergência médica.

Portugal está, desde sábado e até às 23:59 de 21 de agosto, em situação de crise energética, decretada pelo Governo devido a esta paralisação, o que permitiu a constituição da REPA, com 54 postos prioritários e 320 de acesso público.

Ler mais
Recomendadas

Sonae diz-se preocupada com o ‘Luanda Leaks’

O grupo cruza interesses com Isabel dos Santos na NOS e por pouco não aumentou a exposição às parcerias com a empresária angolana através da ida dos hipermercados para aquele país africano.

Grupo Vila Galé confirma desistência do projeto de Una na Bahia

“Nunca houve ali indígenas, nunca ali houve uma reserva indígena, não há, nem vai haver, como vão ver daqui a pouco tempo, quando surgir a decisão final”, garantiu Jorge Rebelo de Almeida reagindo às notícias de que o projeto iria inviabilizar uma reserva de indígenas brasileiros.

Vila Galé vai investir 45 milhões e abrir mais três hotéis em 2020

Com a abertura destas três unidades hoteleiras e a ampliação do Vila Galé Douro Vineyards, o grupo irá aumentar a sua oferta em 318 quartos – atualmente gere mais de 7.500 quartos – elevando de 34 para para 37 hotéis em Portugal (27) e no Brasil (dez).
Comentários