Unicâmbio expande balcões no aeroporto de Casablanca

A internacionalização da agência líder de câmbios em Portugal avança em Marrocos.

A Unicâmbio vai abrir em 2020 um segundo balcão no aeroporto Mohammed V, em Casablanca, Marrocos, anunciou em comunicado a agência líder de câmbios de Portugal.

Esta decisão surge na sequência de ter ganho um novo concurso internacional, batendo as propostas de uma empresa marroquina e de uma multinacional que também já tinha presença no local.

“O novo espaço da Unicâmbio vai ficar localizado no piso 0 do Terminal 2, enquanto o anterior, inaugurado em março do ano passado, está no Terminal 1 do Aeroporto Internacional Mohammed V”, refere o comunicado.

“Somos uma empresa portuguesa que está a bater-se de igual para igual com multinacionais. Ganhar este concurso, depois de termos conseguido ganhar o do ano passado, coloca-nos no bom caminho rumo a uma internacionalização sustentada e bem planeada”, afirma o administrador Carlos Lilaia, satisfeito com os resultados do primeiro balcão.

Esta operação surge numa altura em que cada vez mais portugueses escolhem Marrocos como destino de férias. Segundo os dados da Turismo de Marrocos, mais de 51 mil portugueses visitaram o país, só no primeiro semestre de 2019, o que representa um aumento de 24 por cento face ao período homólogo de 2018.

Os números da Organização Mundial do Turismo colocam ainda Marrocos como o destino de eleição no continente africano, com 12,3 milhões de chegadas de turistas internacionais, à frente do Egipto (11,4 milhões) e África do Sul (10,4 milhões).

Recomendadas

Super Bock Group investe 30 milhões em Pedras Salgadas

A modernização do Centro de Produção de Pedras Salgadas e a expansão do Pedras Salgadas Spa & Nature Park, são os dois principais itens do novo investimento, que vai criar 30 novos postos de trabalho.

Greenvolt com resultados do semestre em queda de 82% para cerca de um milhão

O resultado líquido do exercício da empresa de energias renováveis foi de cerca de um milhão de euros, o que traduz uma queda de mais de 80% e reflecte a evolução do EBITDA.

Promotores de espetáculos apelam ao Governo: “verão já está perdido”

O apelo, com quatro medidas de caráter urgente, foi feito numa carta enviada a António Costa e divulgada aos jornalistas, nas vésperas de uma nova reunião do Conselho de Ministros e um dia depois de o Governo ter reunido com peritos, no Infarmed, em Lisboa, para analisar a situação epidemiológica da covid-19, em Portugal.
Comentários