PremiumUnicórnio brasileiro Vtex vai abrir escritório em Lisboa

A equipa em Portugal terá a cargo o módulo “Catálogo”, um dos primeiros a ser desenvolvidos pela tecnológica, tido como o coração do comércio eletrónico.

No início do segundo semestre, a capital portuguesa vai receber mais um unicórnio, que segue o exemplo de empresas internacionais avaliadas em mais de mil milhões, como a francesa Solutions 30 ou a alemã Xing, que assentaram arraiais em Portugal. A brasileira Vtex, que desenvolve tecnologia para comércio eletrónico (e-commerce), está a expandir o negócio na Europa, o que implica investir num espaço no centro de Lisboa – o valor não foi revelado – e contratar mais de uma dezena de pessoas, avançou ao Jornal Económico (JE) um executivo da empresa de São Paulo.

“Esta nova operação é crucial. É um dos países mais seguros do mundo, com uma boa qualidade de vida e clima, além da cultura semelhante ao Brasil. A construção de novos polos de tecnologia torna-se muito importante face ao nosso crescimento acelerado”, diz Bruno Dias, diretor de operações e responsável de produto e engenharia da Vtex na Europa.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Porto de Lisboa com protocolo de segurança para receber cruzeiros

No âmbito do processo de levantamento gradual das restrições impostas para travar a covid-19, “a partir das 00:00 horas desta segunda-feira e até às 23:59 horas de 30 de maio, é permitido o embarque, desembarque e licenças para terra de passageiros e tripulações dos navios de cruzeiro em portos localizados em território nacional continental”, lembra a Administração do Porto de Lisboa (APL), num comunicado hoje emitido.

“Senti como uma agressão. Um modo de agir preconceituoso e racista”. Deputada Romualda Fernandes reage a episódio com a Lusa

Citada hoje pelo Público, a deputada socialista refere que “infelizmente” não lê o episódio “como um lapso, ou como um erro”, porque no seu entender “reflete um pensamento, um modo de agir profundamente preconceituoso e racista” que sentiu “como uma agressão”.

Turismo em Portugal deverá crescer 20% a 30% em 2021, estima Governo

“Se tudo continuar a correr bem ao nível do plano de vacinação, do controlo das novas estirpes e do certificado verde digital, temos boas perspetivas para ficarmos neste ano 20% a 30% acima do ano passado”, realçou a governante em entrevista.
Comentários