Universidade do Algarve combate novo coronavírus através da inovação

Os laboratórios do Centro de Investigação de Biomedicina da Universidade estão, neste momento, a desenvolver um líquido para conservação de zaragatoas. Serão visitados esta manhã por uma comitiva liderada pelo ministro da Ciência, Manuel Heitor.

Manuel Heitor, Ministro das Ciências Tecnologias e Ensino Superior | Cristina Bernardo

Os laboratórios do Centro de Investigação em Biomedicina da Universidade do Algarve combatem o novo coronavírus através da inovação. Aí se analisam colheitas de despistagem à Covid-19 feitas aos utentes e funcionários dos lares de terceira idade do Algarve. Aí está, neste momento, está a ser desenvolvido um meio líquido para a conservação de zaragatoas, utilizadas na testagem do novo coronavírus.

Liderada pelo reitor, a Universidade do Algarve  ministra um Mestrado Integrado em Medicina. Os seus cerca de 100 alunos estão desde a primeira hora na linha da frente da guerra à pandemia do novo coronavírus, reforçando a linha de Saúde 24, através de um call center em Faro.

A Universidade do Algarve e o Algarve Biomedical Center é um consórcio onde está o Centro Hospitalar Universitário do Algarve e tem como missão desenvolver investigação no domínio da saúde e formar profissionais neste setor.

Esta quarta-feira, este centro de inovação biomédica recebe a visita do ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, que se faz acompanhar da ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, e da secretária de Estado Adjunta e da Saúde, Jamila Madeira, que também visitará o call center.

Outra vertente do combate à pandemia no Algarve é o centro para a despistagem à COVID-19, instalado junto ao Estádio do Algarve, que em sistema de ‘drive-thru’ realiza colheitas de casos referenciados pelas autoridades de saúde, e que depois são enviadas para o Laboratório Regional de Saúde Pública Dr.ª Laura Ayres. Também aqui a comitiva governamental fará uma paragem.

Recomendadas

Teresa Damásio ao JE: “a formação profissional é um eixo central na reconstrução da Europa”

A administradora do grupo Ensinus volta a ser embaixadora da Semana Europeia da Formação Profissional 2020, que se realiza em novembro, em representação de Portugal.

PremiumGoverno redesenha futuro do ensino superior com instituições e empresas

A aposta passa por CTeSP e mestrados profissionalizantes especialmente orientados para o mercado de emprego. O diálogo academia-empresas é fundamental num futuro cada vez mais tecnológico.

PremiumEuropeia cria Centro de Estudos sobre Privacidade

Formar e informar a academia e a sociedade sobre o tema fundamental da proteção de dados pessoais estão entre os objetivos.
Comentários