Escolas fecham mas universidades têm autonomia para decidir se encerram

As creches, os ATL e as escolas vão ter de encerrar e de suspender as atividades letivas a partir de amanhã e durante 15 dias. No caso das universidades, os estabelecimentos têm o poder para decidir se fecham ou se ficam abertos.

As universidades tem autonomia para decidir se fecham portas durante os próximos tempos, disse hoje o primeiro-ministro, depois de ter anunciado o encerramento das escolas durante 15 dias a partir de amanhã.

“No caso do ensino superior, e no âmbito da autonomia universitária, serem adotadas as devidas medidas sendo que alguns dos estabelecimentos estão neste momento em atividades de avaliação e poderão ter de reajustar esse calendário”, afirmou António Costa em conferência de imprensa após o Conselho de Ministros.

A decisão hoje anunciada abrange “desde as creches aos ATL [Centros de Atividades de Tempos Livres], e a todos os graus de ensino”, à exceção dos estabelecimentos de ensino superior, acrescentou.

Portugal atingiu hoje novo recorde de vítimas mortais: 221 óbitos nas últimas 24 horas, um total de 9.686 em 10 meses de pandemia. Já o número de casos subiu 13.544 para 595.149, segundo os dados da DGS.

Na mesma conferência de imprensa, o primeiro-ministro anunciou o encerramento das escolas durante 15 dias a partir de amanhã, com a atividade letiva a ficar toda suspensa.

“Apesar de todo o esforço que as escolas fizeram para se preparar e funcionar de forma normal face a esta nova estirpe e a velocidade que ela comporta, manda o principio da precaução que procedamos a interrupção de todas as atividades letivas durante os próximos 15 dias”, disse António Costa esta quinta-feira.

“A interrupção será devidamente compensada no calendário escolar da forma que o ministro da Educação ira ajustar com o conselho de diretores de escola de forma a compensar estes 15 dias que se irão perder de ensino presencial, com o alargamento do ensino presencial noutro período dedicado a férias”, acrescentou.

Na sua intervenção, António Costa voltou a reafirmar que as escolas “não são nem foram o principal foco de transmissão, nem são nem foram o principal local de transmissão”.

Ler mais

Relacionadas

Costa anuncia fecho das lojas do cidadão e suspensão dos prazos para processos judiciais não urgentes para os próximos 15 dias

Relativamente aos serviços públicos, o chefe do Governo anunciou que irão manter-se “exclusivamente em funcionamento o atendimento por marcação nos demais serviços”.

Pais com direito a 66% do salário para ficar em casa a tomar conta de crianças até 12 anos

Os pais que não estejam em teletrabalho vão ter direito a faltas justificadas para ficar a cuidar dos filhos durante os 15 dias em que as escolas vão estar fechadas. Estes 66% correspondem ao salário bruto, com 33% a ser pago pela empresa e 33% pelo Estado, excluindo subsídios e complementos. Quem auferir o salário mínimo, tem sempre direito ao valor total de 665 euros.

Oficial. Escolas fechadas a partir de amanhã durante 15 dias. Atividade letiva fica toda suspensa

Depois de Portugal ter vindo a bater sucessivamente recordes diários de novos casos e mortes, o Governo decidiu encerrar as escolas a partir de sexta-feira, 22 de janeiro. Creches e ATLs também são abrangidos pelo fecho.

Da direita à esquerda: o que dizem os partidos sobre o fecho de escolas e universidades?

O PSD defende o encerramento das escolas, assim como o PAN e o CDS. O Iniciativa Liberal alerta para as responsabilidades que o executivo de Costa terá de assumir em caso do fecho dos estabelecimentos de ensino. PCP acredita ser ser “importante que as crianças e jovens tenham a escola a funcionar”.

Marcelo defende que escolas devem “fechar o mais cedo possível”

Apesar de apontar efeitos demolidores para os estudantes, Marcelo Rebelo de Sousa defende que as escolas devem fechar o “mais cedo possível”, disse hoje ao Observador.

Fecho das escolas e universidades. António Costa fala ao país a partir das 13 horas

O primeiro-ministro vai dirigir-se aos portugueses a partir das 13 horas. Fonte do executivo disse à Lusa que o Governo vai encerrar escolas e universidades a partir de sexta-feira.
Recomendadas

Quase 4.400 entidades integram a lista de candidatas à consignação do IRS

Entre misericórdias, fundações, casas do povo, teatros, centros sociais e paroquiais, igrejas, bombeiros e variadas associações um total de 4.399 entidades integra a lista de candidatos à fatia de imposto que os contribuintes lhes podem consignar quando fazem a entrega da sua declaração anual do imposto.

EUA: Fortes números do emprego em fevereiro deixam antever aceleração da recuperação laboral nos próximos meses

O crescimento do emprego norte-americano, bem acima das expectativas do mercado, e as projeções para as contas nacionais trimestrais da economia mais afetada pela Covid-19 deixam adivinhar uma recuperação mais rápida e vigorosa a partir de agora, dada a evolução da pandemia no território.

Sector da construção em contraciclo aumenta investimento e VAB em 2020, dizem Associações

“O investimento em construção evidenciou-se com um crescimento de 4,8%, num ano em que o investimento total registou uma variação de -4,9%, em termos homólogos. Os dados são das associações do sector.
Comentários