Vodafone e IBM firmam parceria para lançar serviço empresarial de ‘cloud’ privada em Portugal

Ambas as empresas apontam a parceria como uma forma “relevante” de apoiar as pequenas e médias empresas portuguesas a “transformar digitalmente as suas operações”.

A Vodafone fechou uma parceria com a IBM para o lançamento de um novo serviço do operador de telecomunicações, que permitirá aos clientes do segmento empresarial o armazenamento de dados em cloud. O ‘virtual private cloud’ permitirá à Vodafone Portugal oferecer uma cloud privada, cuja infraestrutura é disponibilizada e está alojada num centro de dados da IBM, em Portugal, foi esta terça-feira anunciado.

Num comunicado conjunto, é referido que o novo serviço “proporcionará a escalabilidade, eficiência e segurança” que as empresas nacionais precisam “para acelerar a sua transformação digital”, numa altura em que o tecido empresarial aumenta a utilização de “serviços e tecnologias baseados na cloud“.

Ambas as empresas apontam a parceria como uma forma “relevante” de apoiar as pequenas e médias empresas (PME) portuguesas a “transformar digitalmente as suas operações”, de forma “flexível e financeiramente competitiva”, ao mesmo tempo que torna um ambiente de trabalho em cloud “seguro”. Isto, tendo em conta que 40% das PME ainda não investiram na transformação digital das suas operações e, segundo um estudo da COTEC Portugal.

O administrador para o segmento empresarial da Vodafone Portugal, Henrique Sacadura Fonseca, considera que todas as empresas a enfrentar “enormes desafios ou a responder a um novo paradigma laboral e operacional”. Nesse sentido, o recurso a tecnologias e a novos serviços tecnológicos é “um factor de diferenciação”, por promover “agilidade, segurança, inovação, escalabilidade e redução de custos” às empresas.

O global technology services leader da IBM Portugal, João Eduardo Fonseca, por sua vez, explica que a oferta assegurada pela tecnológica de origem norte-americana é “mais um passo importante no âmbito do compromisso ativo” da IBM “na disponibilização de ofertas inovadoras de cloud ao mercado português”.

Ao abrigo da parceria com a Vodafone, a IBM também vai disponibilizar um portal de self-service, onde as empresas poderão executar e gerir os seus workloads,  um conjunto de ferramentas de automação e monitorização, bem como serviços de cibersegurança.

Ler mais
Recomendadas

PremiumImparidades de 841,2 milhões de euros tiram 300 milhões ao lucro do BCP

O BCP teve lucros de 183 milhões de euros, menos 39,4% do que em 2019, graças às provisões de 841,2 milhões de euros no contexto Covid-19. Polónia e Fundos de Restruturação impactaram nas contas.

1.886 tripulantes da TAP votaram ‘sim’. Acordo de emergência fica aprovado no SNPVAC

A esmagadora maioria dos tripulantes da TAP representados pelo Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil votou favoravelmente o “Acordo de Emergência”, virando a página num processo negocial que tem sido longo para os trabalhadores do Grupo TAP, mas que salvaguardou algumas regalias laborais.

TAP. Pilotos do SPAC aceitam “acordo de emergência”

Com uma participação massiva de 96,8% dos associados do Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC), foi votado o “Sim” ao “acordo de emergência” estabelecido com a administração da TAP, com uma maioria de 617 votos. O regime sucedâneo é afastado para os pilotos, que vêm o ordenado ser cortado em 50% acima do valor de garantia de 1.330 euros mensais.
Comentários