Wall Street encerra ‘mista’ com destaque para sector tecnológico

A Visa foi uma das empresas que mais prejudicou o Dow Jones que, pela primeira vez em quatro dias, encerrou em terreno negativo. As ações da Visa caíram 6,93% após emitir uma perspetiva de receita que alguns analistas consideraram “conservadora”.

Os principais índices em Nova Iorque encerraram o dia mistos, com o tecnológico Nasdaq a ser o único a fechar no ‘verde’, ainda que ligeiramente, impulsionado pelos resultados da Alphabet (dona da Google) e Microsoft que bateram as expectativas dos analistas.

A Visa foi uma das empresas que mais prejudicou o Dow Jones que, pela primeira vez em quatro dias, encerrou em terreno negativo. As ações da Visa caíram 6,93% após emitir uma perspetiva de receita que alguns analistas consideraram “conservadora”. A isto junta-se uma investigação em curso, conduzida pelo departamento de justiça norte-americano, sobre a relação entre a Visa e algumas empresas de tecnologia financeira (Fintech).

O S&P 500 caiu 0,48% para os 4.553,00 pontos. O índice industrial Dow Jones encerra o dia a desvalorizar 0,74% para 35.490,69 pontos. O tecnológico Nasdaq encerra a sessão desta quarta-feira inalterado nos 15.235,8 pontos.

O preço do barril de petróleo está a cair nos dois lados do Atlântico. Em Nova Iorque, o WTI desce 3% para os 82.11 dólares por barril, enquanto o Brent está a desvalorizar 2,60% para os 83.42 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro aprecia 0,05% face ao dólar norte-americano para os 1,1601 dólares. Já a libra esterlina deprecia 0,20% face à moeda dos Estados Unidos, para 1,3739 dólares.

Recomendadas

OPEP + concorda no aumento da produção de petróleo em janeiro

Por forte pressão principalmente dos Estados Unidos, a OPEP + aceitou fazer qualquer coisa para combater a subida dos preços do petróleo nos mercados mundiais. A decisão demorou, para desespero dos consumidores.

Wall Street com forte recuperação depois de vencer o medo da Omicron

Os sinais, ainda muito longe de estarem consolidados, de que a nova variante da Covid-19 oriunda de África do Sul não será tão grave como o esperado, foi suficiente para libertar os investidores. Um grande dia para os mercados.

PSI-20 cai 5,2% em Novembro. Grupo EDP e Jerónimo Martins lideraram representatividade

A Jerónimo Martins (15,10%), a EDP Renováveis (13,49%) e a EDP (10,42%) foram os emitentes com maior representatividade no índice. Os dados foram divulgados pela CMVM.
Comentários