Wall Street fecha em queda depois de dados fracos no setor terciário

Os investidores aguardavam pelos dados preliminares do PMI serviços e indústria dos EUA e estes desiludiram. Os índices de Wall Street caíram na última sessão da semana.

Reuters

As principais bolsas em Wall Street fecharam em baixa. Após dados muito fracos do setor de serviços, o Dow Jones perdeu -0,78% para 28.992,4 pontos; o S&P 500 desceu -1,05% para 3.337,74 pontos; e o Nasdaq deslizou -1,79% para 9.576,6 pontos, numa semana de baixa (com perdas médias de 1,4%), apesar dos máximos históricos estabelecidos na quarta-feira pelo S&P 500 e pelo Nasdaq.

Os dados preliminares do PMI composite nos EUA apontaram para uma contração no mês de fevereiro. A leitura do referido indicador registou o valor mais baixo desde 2013, tendo o PMI serviços norte-americano ficado abaixo dos 50, ofuscando assim o ritmo surpreendente da atividade na indústria e nos serviços da Zona Euro.

O coronavírus continua a preocupar os investidores, especialmente depois que o Goldman Sachs alertou que as bolsas podem estar a subestimar a sua relevância, lembrando que a doença se expandiu para Itália, Irão e Coreia do Sul.

As mais recentes noticias provenientes da Ásia desafiaram a perceção generalizada que a pior fase do surto já teria sido ultrapassada. Na Coreia do Sul, o surto de coronavírus acelerou, contando agora com 156 contaminados, quando na semana passada não chegavam a uma dezena. No Japão, o número de pessoas infetadas triplicou numa semana para os 97.

Apesar do número de contagiados à escala mundial ainda ser bastante contido (1260), a Organização Mundial de Saúde alertou que o risco de uma difusão alargada do vírus ainda não foi debelado.

No seio empresarial destaque para as valorizações da Deere (+7,00%) e Dropbox (+19,96%) após apresentação de contas. Já a First Solar reage negativamente (-14,72%).

Destaque para a Tesla, porque o fabricante do carro elétrico tem luz verde para retomar a construção da sua fábrica em Berlim (Alemanha).

O banco Morgan Stanley caiu 2,47% depois de ter anunciado que compraria a corretora E-Trade Financial num acordo avaliado em 13.000 milhões de dólares.

O crude West Texas também, à semelhança do Brent em Londres, tomba 1,04% para 53,32 dólares o barril.

 

Ler mais

Recomendadas

Impasse nas negociações com o Congresso não afeta Wall Street

A Bolsa de Nova Iorque iniciou a sessão desta segunda-feira em terreno positivo apesar dos Estados Unidos terem ultrapassado os cinco milhões de casos de coronavírus e de Donald Trump não ter chegado a um acordo com o Congresso sobre os novos estímulos para a economia. Na abertura da sessão, o S&P 500 sobe 0,18%, […]

Bolsa portuguesa acompanha Europa em alta ligeira. Ganhos superiores a 5% dos CTT impulsionam PSI 20

Os investidores estão otimistas depois de o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ter decidido assinar quatro decretos para renovar de forma parcial o pacote de estímulos à economia e aos trabalhadores norte-americanos, afetados pela pandemia da Covid-19.

Bolsa portuguesa acompanha Europa em alta. Galp, Navigator e BCP impulsionam PSI 20

Bolsa portuguesa arranca sessão em alta, a subir 0,29 para 4.379,98 pontos, em linha com as principais praças europeias.
Comentários