Mercados

“Corremos o risco de a zona euro quebrar”, afirma governador do Banco de Portugal

Carlos Costa diz que “nenhuma economia está preparada para uma crise desta natureza” e volta a defender os ‘coronabonds’, em entrevista ao semanário “Expresso”.

Wall Street cai mais de 3% apesar da “bazuca” de 2,2 biliões de dólares

Março de 2020 ficará para a história dos mercados como um dos meses mais loucos de sempre. NYSE fechou em queda num dia em que Congresso dos Estados Unidos entrega um pacote de resgate de 2,2 biliões de dólares.

Bolsas regressam às quedas com setor automóvel a liderar. BCP cai 4% ao adiar dividendos

As desvalorizações mais expressivas dos setores Auto e de Viagens & Lazer espelham a preocupação dos investidores quanto à evolução da pandemia Covid-19, segundo a análise do analista da Mtrader. O BCP cai em bolsa 4% depois de cancelar dividendos e em dia de moratória de créditos.

Investimento: Quanto tempo demoram os mercados a recuperar?

Apesar de o mundo ter passado por duas grandes guerras mundiais, pela Grande Depressão, pela grande crise financeira de 2008 e por uma série de recessões, tem sido muito mais seguro investir numa coleção diversificada de negócios do que investir em títulos indexados às moedas, como são as obrigações.

Após três dias em alta, Wall Street volta a abrir no ‘vermelho’

No início da sessão o S&P 500 perde 3,61% para 2,535.03 pontos, o tecnológico Nasdaq cai 3,41%, para 7,531.25 pontos e o industrial Dow Jones desce 3,57%, para 21,748.03 pontos.

Bolsa de Lisboa segue pessimismo da Europa. BCP e REN penalizam PSI-20

A cair estão ainda os títulos da Pharol (-1,67%), que informou ontem que a brasileira Oi, da qual é acionista, reduziu o prejuízo para 359 mil euros no quarto trimestre, ou os da EDP Renováveis (-2,06%), que aprovou a distribuição de um dividendo bruto de 0,08 euros por ação.
Ver mais artigos