Mercados

Wall Street fecha em alta depois de um dia ‘nervoso’

Wall Street fechou em alta esta quinta-feira, mas o dia foi bastante agitado, com os investidores a sentirem algum nervosismo face ao andamento do mercado. E da política. Finalmente, um analista disse que a perspetiva de estímulos económicos não mexe com o mercado.

Bolsas europeias fecham com perdas. EDP Renováveis penaliza Lisboa

As maiores quedas do PSI-20 foram a energética EDP Renováveis, que tombou 3,01%, a papeleira Semapa, que caiu 2,44% e a tecnológica Novabase, que desvalorizou 2,35% para 3,33 euros.

Menos pedidos de subsídio de desemprego não chegam para acalmar Wall Street

A bolsa de Nova Iorque segue em baixa, tal como no início da sessão desta quinta-feira. Em contraciclo e com uma subida exponencial está a Align Technology, que apresentou resultados trimestrais e dispara mais de 30%.

Bolsa de Lisboa em terreno negativo em linha com praças europeias

Novabase, Mota-Engil, CTT e BCP estão a cair mais de 1% na bolsa de Lisboa esta quinta-feira.

Wall Street fecha em baixa enquanto negociações sobre pacote de estímulos se arrastam

A tecnológica Snap disparou mais de 28% no fecho da sessão desta quarta-feira, para 36,50 dólares, depois de reportar os resultados do terceiro trimestre. A dona do Snapchat teve um aumento homólogo de 52,10% nas receitas, para 678,7 milhões de dólares.

CTT e Galp lideram perdas na bolsa de Lisboa. Europa fecha em queda com alertas de Lagarde

“A castigar o sentimento estiveram as declarações da presidente do BCE de que o aumento inesperado das infeções é um “risco claro” para as perspetivas económicas na região, à medida que o surto se continua a alastrar na Europa e os países aumentam restrições”, refere o analista de mercados do Millennium bcp.
Ver mais artigos