333 milhões de euros “oferecidos” pelo Casino de Lisboa em 2016

O valor total dos prémios distribuídos no ano passado teve um aumento em relação a 2015. A informação foi avançada pela Estoril-Sol, a empresa que gere o Casino de Lisboa.

Esta quarta-feira, a empresa Estoril-Sol informou que o Casino Lisboa distribuiu em 2016 um valor total de 333 milhões de euros, o que corresponde a um aumento comparativamente ao ano anterior.

Em comunicado, a empresa que gere o Casino de Lisboa indica que “reforçou, em 2016, o recorde absoluto de prémios pagos num único ano, tendo distribuído pelos seus frequentadores 333.703.239 euros.

“Foi, assim, o maior volume de prémios atribuído, em apenas, um ano, pelo Casino Lisboa, verificando-se, aliás, um acentuado aumento em relação ao ano anterior – 2015 -, cujo valor total se situou nos 306.654,60 milhões de euros”, pode ler-se.

O Casino de Lisboa, de portas abertas desde Abril de 2006, lembra ainda a “sucessão de jackpots registada em 2016, que culminou, precisamente, em dezembro, período em que foram distribuídos 29.884.115 euros em prémios.

Na mesma nota, divulgada por diversos meios de comunicação social, o Casino de Lisboa adianta ainda que foi atribuído uma média diária superior a 914 mil euros em prémios. É um novo recorde absoluto de prémios pagos num único ano.

 

Ler mais

Recomendadas

Quase 4.400 entidades integram a lista de candidatas à consignação do IRS

Entre misericórdias, fundações, casas do povo, teatros, centros sociais e paroquiais, igrejas, bombeiros e variadas associações um total de 4.399 entidades integra a lista de candidatos à fatia de imposto que os contribuintes lhes podem consignar quando fazem a entrega da sua declaração anual do imposto.

EUA: Fortes números do emprego em fevereiro deixam antever aceleração da recuperação laboral nos próximos meses

O crescimento do emprego norte-americano, bem acima das expectativas do mercado, e as projeções para as contas nacionais trimestrais da economia mais afetada pela Covid-19 deixam adivinhar uma recuperação mais rápida e vigorosa a partir de agora, dada a evolução da pandemia no território.

Sector da construção em contraciclo aumenta investimento e VAB em 2020, dizem Associações

“O investimento em construção evidenciou-se com um crescimento de 4,8%, num ano em que o investimento total registou uma variação de -4,9%, em termos homólogos. Os dados são das associações do sector.
Comentários