Abanca e Crédit Agricole assinam acordo comercial e financeiro a nível internacional

O Abanca e o Crédit Agricole chegaram a um acordo comercial de âmbito internacional em que ambas as entidades passam a ser parceiras preferenciais nos países onde apenas uma delas opera.

O Abanca e o Crédit Agricole assinam acordo de colaboração comercial e financeira de âmbito internacional. Isto significa que passam a ser parceiros preferenciais nos países onde apenas um deles opera.

“O acordo permitirá também que os clientes do Bankoa beneficiem das capacidades de ambos os grupos em Espanha e em outros países”, adianta o Abanca.

O acordo surge após a formalização da venda do Bankoa e um ano após o início da colaboração entre as duas entidades com a criação de uma joint-venture para desenvolver o negócio de seguros não vida em Portugal e Espanha.

A compra do Bankoa e este acordo comercial “representam um avanço na aliança estratégica que o Abanca e o Crédit Agricole mantêm desde 2019” diz o banco espanhol que em Portugal tem uma sucursal. “O primeiro resultado foi a criação de uma joint-venture para desenvolver o negócio de seguros não vida em Portugal e Espanha”, lembra a instituição.

Esses acordos foram discutidos na reunião realizada na terça-feira, 29 de setembro, entre o presidente e CEO do Abanca, Juan Carlos Escotet Rodríguez e Francisco Botas, respetivamente, e a equipa de gestão do Crédit Agricole, liderada pelo CEO adjunto, Xavier Musca.

“Com esta aliança, o Abanca e o Crédit Agricole vão promover o acesso aos serviços bancários e de financiamento nos países onde o outro está presente, ampliando assim a capacidade de apoio internacional conjunto aos clientes, com especial destaque para França, Espanha, Portugal, Itália, Europa Central, Norte de África, Médio Oriente e Ásia”, adianta o comunicado.

Já no que diz respeito aos clientes particulares, ambos os grupos vão desenvolver serviços transacionais e de financiamento entre os países que representem valor acrescentado para os clientes.

“O acordo de colaboração comercial entre o Abanca e o Crédit Agricole permitirá também aos clientes do Bankoa beneficiar das capacidades de ambos os grupos, tanto no mercado espanhol como noutros países. Este acordo inclui diversos serviços financeiros e oferece benefícios para o segmento de clientes empresariais como particulares”, diz o Abanca.

No segmento de PMEs e empresas, representa a continuidade de praticamente todos os serviços que o grupo Crédit Agricole prestou ao Bankoa até agora no âmbito do negócio internacional, tais como programas de emissão de garantias no estrangeiro e serviços de apoio às empresas.

Ler mais
Recomendadas

António Horta Osório vai ser Chairman do Credit Suisse

Horta Osório será eleito Presidente do Conselho de Administração do Credit Suisse em maio. O banco está presente em Portugal. A nomeação será rápida, já que sendo um banco suíço não precisa de passar pela morosa avaliação do BCE.

Eurogrupo chega a acordo sobre reforma do MEE e ‘backstop’ para Fundo Único de Resolução

Os ministros das Finanças da zona euro chegaram hoje a acordo sobre a reforma do Mecanismo Europeu de Estabilidade e a introdução de uma rede de segurança no Fundo Único de Resolução, medidas que permitirão atenuar futuras crises.

BCE autoriza João Pedro Oliveira e Costa como CEO do BPI

Depois de ser autorizado pelo BCE, o CaixaBank aprovou esta segunda-feira por unanimidade a composição dos órgãos sociais do BPI para o mandato de 2020-2022. João Pedro Oliveira e Costa sucede oficialmente a Pablo Forero.
Comentários