PremiumAndré Ventura corta a direito nos amigos e recusa ‘moderação’

Nuno Afonso, coordenador autárquico, candidato a Sintra e (ainda) chefe de gabinete, até aqui ‘número 2’ do partido, foi avisado na véspera que ia sair.

O 3.º Congresso do Chega mostrou clivagens pessoais e políticas que estão para além dos números que aprovaram a nova direção de André Ventura, eleita com 79% dos votos (312 dos 377 delegados, com 29 abstenções e 36 nulos).

O novo elenco espelha as opções do líder. Saíram três dos cinco vice-presidentes – Diogo Pacheco de Amorim, Nuno Afonso e José Dias. Mantiveram-se, apenas, António Tânger Correia e Gabriel Mithá Ribeiro, agora acompanhados do antigo vogal Pedro Frazão e de dois nomes novos: Marta Trindade e Ana Motta Veiga.

As três mudanças na direção, a reboque do equilíbrio de género, materializaram o caminho que o líder quer seguir. Sobretudo a mudança de dois dos nomes, Nuno Afonso e Diogo Pacheco Amorim, tem especial significado, já que José Dias quis retirar carga emocional ao afastamento. “Saio por opção dele, que é legítima, temos de obedecer. Se somos André Ventura é para respeitar. Se não se respeita as decisões dele, não se respeita a ele”, afirmou Dias.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

PremiumOtimismo vai continuar a dominar os mercados nos próximos tempos

Processos de vacinação contra a apandemia de Covid-19 e retoma das economias sustentam otimismo, mesmo com riscos a ter em conta.

PremiumRotas de Verão: Parque Nacional Peneda-Gerês

Dizer que entramos pela Porta de Montalegre é uma força de expressão, quando diante de nós e a perder de vista, se estende este vasto território com mais de 70 mil hectares, bem no alto Noroeste de Portugal, a vincar a fronteira com terras castelhanas, por entre as Serras do Gerês, Amarela, Soajo e Peneda.

PremiumFundo de Resolução vai avaliar recomendações da CPI ao Novo Banco

O relatório da CPI ao Novo Banco recomenda que a Oliver Wyman deixe de ser o agente verificador do valor de injeção a pedir pelo Novo Banco ao Fundo de Resolução. O Fundo vai analisar.
Comentários