PremiumAntas da Cunha ECIJA abre escritório no Porto

Resposta ao cluster tecnológico da cidade será mais simples em regime de proximidade. A fusão com os espanhóis da ECIJA deu-se em 2017.

A Antas da Cunha ECIJA, sociedade de advogados internacional que presta serviços integrados com foco no direito digital e originalmente criada em 2006, acaba de anunciar a abertura do seu escritório no Porto. Com o objetivo de apoiar a atividade dos seus clientes no norte de Portugal, e seguindo a estratégia de proximidade com um serviço personalizado, o novo escritório tem inicialmente uma equipa de três associados, mas está já preparado pra absorver futuros aumentos de dimensão, que deverão acontecer ainda este ano.

“O Porto é cada vez mais um cluster tecnológico, atraindo talento altamente qualificado e muitos grupos empresariais nacionais e internacionais, sobretudo na área das tecnologias da informação. Neste contexto, e também porque já contamos com vários clientes com presença no norte do país, e sendo a Antas da Cunha ECIJA um escritório full-service a nível internacional, a presença no Porto não só faz todo o sentido como também faz parte da nossa estratégia de crescimento”, referiu ao Jornal Económico Fernando Antas da Cunha, managing partner da Antas da Cunha ECIJA.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor.

Recomendadas

Um ano de aplicação do regulamento de dados sem lei portuguesa para o executar

Portugal continua sem lei para executar o Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD), que cumpre hoje um ano de aplicação em toda a União Europeia, preparando-se o parlamento para aprovar o diploma nas próximas semanas.

Saiba em que casos as empresas podem controlar trabalhadores com recolha de dados biométricos

Embora o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (RGPD), que foi entrou em vigor há um ano, proíba o tratamento de dados biométricos, há exceções previstas na lei que possibilitar às empresas usar esta informação para controlar a assiduidade dos trabalhadores. Saiba quais.

Em defesa dos atos próprios dos Advogados

A Advocacia Preventiva é fundamental para o normal desenrolar da atividade económica e para a dinâmica dos negócios.
Comentários