António Costa: “PSD e CDS? São programas de quem não pretende governar”

Nesta entrevista à Antena 1, o secretário-geral do PS também traçou como prioritário o equilíbrio das contas públicas. Por isso, não entende as promessas eleitorais de CDS e PSD, para a descida de impostos em Portugal: “São programas de quem não pretende governar”.

Relacionadas

António Costa: “Governo de coligação com o Bloco ou o PCP não seria um bom Governo”

Em entrevista na SIC, secretário-geral do PS admite entendimentos pontuais com o PSD sobre reformas estruturais.

António Costa afasta possibilidade de nacionalizar EDP e Galp

“O programa do Partido Socialista não é o programa do Bloco de Esquerda. Recomendo a leitura, é um programa próprio”, disse o secretário-geral do PS.

Rui Rio afasta Bloco Central que “só faz sentido numa situação extremamente grave para Portugal”

Líder social-democrata admitiu que seja preciso descer menos impostos e limitar aumento do investimento público se o crescimento económico abrandar. Negando que o cenário macroeconómico em que se baseia o programa de governo do PSD, disse que “temos lá economistas, bons, mas não são bruxos”.
Recomendadas

Pedro Nuno Santos debate no ICPT os desafios da ferrovia

Sob o tema “Os desafios da ferrovia: infraestrutura, serviços e indústria”, não perca a intervenção de Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas e da Habitação, em mais um almoço-debate do International Club of Portugal.

‘Caso Marega’: Como pode afetar a reputação e os patrocínios da Liga? Veja o ‘Jogo Económico’

Como olham as marcas e os patrocinadores para uma Liga tão problemática? Como se pode atrair investimento, espetadores e audiência num ambiente tão negativo? Não perca o debate com João Marcelino, Luís Miguel Henrique e Diogo Luís esta sexta-feira a partir das 19h00 na plataforma JE TV, redes sociais do Jornal Económico e no canal A Bola TV.

O Jornal Económico num minuto

O Jornal Económico desta semana já está disponível nas bancas de todo o país e na plataforma JE Leitor, para os nossos assinantes digitais.
Comentários