Arraial da Iniciativa Liberal “é um monumental tiro no pé”, diz Marques Mendes

Marques Mendes considerou que apesar de o partido ter o direito de dizer que deve haver arraiais nos Santos Populares em Lisboa, “deve acatar as decisões dos órgãos legítimos”.

Luís Marques Mendes disse este domingo no Jornal da Noite da SIC, no seu habitual espaço de comentário, que o arraial da Iniciativa Liberal (IL) “é um monumental tiro no pé” e é “um mau exemplo”.

O comentador refere que a IL “não deveria ter feito o que fez”, em primeiro lugar “por uma questão de coerência, pelo facto de o partido ter atacado o PCP com a Festa do Avante . “Considerando que isso era um privilégio de um partido político, não podia usar agora um privilégio em tudo igual ou  em tudo semelhante. É uma questão de coerência”.

Em segundo lugar, Marques Mendes considerou que apesar de o partido ter o direito de dizer que deve haver arraiais nos Santos Populares em Lisboa, “deve acatar as decisões dos órgãos legítimos”.

Recomendadas

Presidência do Conselho de Ministros e Inspeção-Geral de Finanças assinam acordo para colaboração entre entidades

Em comunicado a presidência do Conselho de Ministros sublinha que a assinatura do protocolo “visa estabelecer a colaboração e articulação entre as entidades no quadro da alteração do regime de fiscalização das fundações privadas e do novo regime de fiscalização”.

PCP diz que resultados da CDU são consequência de campanha anticomunista

O dirigente comunista João Oliveira considerou, esta segunda-feira, que os resultados eleitorais da CDU nas autárquicas são consequência de uma “prolongada e intensa campanha anticomunista” e da concentração da discussão em assuntos nacionais, em vez de locais.

Marcelo diz que “crises políticas nos próximos anos não fazem sentido” e critica atrasos no novo aeroporto de Lisboa

“Não pensava que se alongasse tanto. Esperava um prazo mais curto. Como em tudo na vida, o adiamento de decisões só as complica”, alertou o Presidente da República, um dia depois das eleições autárquicas.
Comentários