Aumento extraordinário das pensões vai chegar a 1,89 milhões de pessoas

O número corresponde a um aumento de 17,6%, que se deve à forma como o aumento está desenhado, revela o “Jornal de Negócios”.

O aumento extraordinário das pensões vai chegar a 1,89 milhões de pensionistas da Segurança Social este ano, revela o “Jornal de Negócios” na edição desta sexta-feira, segundo os dados disponibilizados pelo Governo.

O Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS) adiantou ao diário de economia que serão 1.886.639 pensionistas abrangidos por esta subida em 2020. O número corresponde a um aumento de 17,6%, que se deve à forma como o aumento está desenhado.

Trata-se de um complemento que sobe os aumentos regulares para seis ou dez euros quando estão em causa cidadãos cuja soma total das pensões que recebem não ultrapassa os 658,2 euros (o equivalente a 1,5 vezes o Indexante de Apoios Sociais), lembra o mesmo jornal.

Na semana passada, este aumento extra pensões mais baixas foi aprovado no parlamento.

O PS tinha proposto inicialmente que a medida entrasse em vigor apenas em agosto mas, depois foi anunciado um acordo entre o Governo, o Bloco de Esquerda e o PCP para que o aumento extraordinário das pensões fosse antecipado para o primeiro mês seguinte à entrada em vigor do Orçamento do Estado para 2020.

Em 2017 e 2018, as pensões tiveram um aumento extraordinário pago a partir de agosto e, no ano passado, a medida entrou em vigor em janeiro.

Ler mais

Recomendadas

Apritel observa “com perplexidade” conclusões da Anacom sobre preços das telecomunicações

“É com perplexidade que vemos o regulador do setor fazer afirmações e retirar conclusões que não estão corretas e que não levam em conta os critérios bem fundamentados”, lê-se na nota.

Exportações dos países lusófonos para a China sobem 0,06% em 2019

As exportações dos países de língua portuguesa para a China subiram 0,06% em 2019, em comparação com o ano anterior, de acordo com os Serviços da Alfândega chineses.

PremiumEstivadores avançam para greve total para durar até ao final de março

Sindicato dos Estivadores apresentou novo pré-aviso de greve, transformando a paralisação parcial em greve geral ao trabalho no porto da capital e prolongando o prazo até ao final do mês de março.
Comentários