Autocarros da startup FlixMobility transportaram 430 mil passageiros em Portugal no ano passado

A FlixBus transportou três vezes mais passageiros de e para Portugal em comparação com 2018. Este ano empresa vai integrar a rede internacional da Eurolines e lançar uma rede doméstica dedicada que vai cobrir Portugal de norte a sul e do interior ao litoral.

A operadora de transportes FlixBus transportou cerca de 430 mil passageiros de e para Portugal em 2019, em viagens de autocarro de longa-distância que se desdobra em 20 linhas diretas para mais de 50 destinos europeus. A empresa, da startup alemã FlixMobility, fez o transporte do triplo de turistas e outros viajantes do que em 2018.

Em Portugal, a FlixBus passa por 20 cidades. “Os portugueses estão a viajar mais connosco e procuram a FlixBus como alternativa mais sustentável e mais acessível face a outros meios de transporte. Em dois anos e meio conseguimos expandir a nossa operação internacional de transporte de autocarro de longa-distância em Portugal que chega hoje a mais de 50 destinos na Europa”, afirma Pablo Pastega, diretor geral da FlixBus em Portugal e Espanha.

A FlixBus, que assinou recentemente uma parceria com a portuguesa Bus Vouga, uma empresa familiar de transportes de Aveiro, garante que “irá aumentar o investimento no mercado nacional, com mais parceiros a anunciar em 2020 e ainda uma rede dedicada de ligações domésticas, de acordo com um comunicado divulgado esta quinta-feira.

O porta-voz da FlixBus na Península Ibérica adiantou ainda que este ano a empresa vai integrar a rede internacional da Eurolines e lançar uma rede doméstica dedicada que vai cobrir Portugal de norte a sul e do interior ao litoral. “Mais de 80 cidades portuguesas vão beneficiar de mais opções de transporte, a preços mais baixos, com autocarros novos e confortáveis com uma série de serviços a bordo”, esclareceu Pablo Pastega, na nota enviada ás redações.

A nível global, a FlixBus levou nos seus autocarros 62 milhões de passageiros, um número superior em 37% ao que foi registado no ano anterior, o que representou 400 mil ligações diárias em 30 países. Em breve, a marca estará presente também na América do Sul e na Ásia e terá mais 50 programadores e designers irão trabalhar no novo campus em Nuremberga.

Dona da FlixBus recebe financiamento de 500 milhões de euros

Ler mais
Recomendadas

A revolução 4.0 no setor agroalimentar: oportunidades de crescimento

Por todo o mundo, multiplicam-se os casos de sucesso que demonstram o impacto das novas tecnologias e sistemas de informação na produtividade e rentabilidade dos negócios agrícolas, tanto nas operações de campo como no back-office.

Governo prepara novas linhas de financiamento às exportações

O secretário de Estado da Economia, João Correia Neves, que está em Milão na maior feira de calçado do mundo, vai colocar verbas do Portugal 2020 à disposição das empresas para a promoção da presença digital nos mercados internacionais.

Liberty cria ecossistema na ‘cloud’ pública

Construir um seguro à medida de cada um e uma oferta personalizável é o objetivo da Liberty Seguros com um novo ecossistema, afirma Alexandre Ramos, da área tecnológica da companhia.
Comentários