Autoridade da Concorrência aprova compra da Nowo e Oni a espanhóis da MásMovil

“O Conselho da AdC adotou uma decisão de não oposição na operação de concentração”, lê-se numa nota publicada na passada terça-feira, 15 de outubro, referindo-se à notificação de aquisição do controlo conjunto da Cabonitel.

A Autoridade da Concorrência (AdC), liderada por Margarida Matos Rosa, autorizou os espanhóis da MásMovil e do fundo GAEA Inversión a avançar com a compra da Cabonitel, que detém a empresa Nowo e a Oni.

“O Conselho da AdC adotou uma decisão de não oposição na operação de concentração”, lê-se numa nota publicada na passada terça-feira, 15 de outubro, referindo-se à notificação de aquisição do controlo conjunto da Cabonitel, que foi noticiado no passado dia 18 de agosto.

A decisão tomada surgiu “uma vez que a mesma [operação de compra] não é suscetível de criar entraves significativos à concorrência efetiva no mercado nacional ou numa parte substancial deste”.

Antes da aquisição das empresas ter sido aprovada pela entidade liderada por Margarida Matos Rosa, a Nowo e a Oni eram detidas pela Cabolink, sociedade de direito luxemburguês maioritariamente detida por fundos geridos pelos americanos KKR.

O regulador liderado por Margarida Matos Rosa considera que a operação “não é suscetível de criar entraves significativos à concorrência efetiva no mercado nacional ou numa parte substancial deste”, pelo que a operação não merece a oposição da AdC.

Relacionadas

Espanhola MásMovil compra Nowo e Oni

Quarta maior operador de telecomunicações em Espanha e GAEA compraram a Cabonitel, que detém 100% do capital da portuguesa Nowo, que por sua vez, detém o total de capital da Oni.
Recomendadas
Miguel Maya

CaixaBank espera lucros de 48 milhões do BCP apesar da provisões para créditos em francos suíços na Polónia

Apesar das provisões de 121 milhões por causa dos créditos hipotecários em francos suíços, o CaixaBank estima que o BCP apresente resultados líquidos no primeiro trimestre de 48 milhões de euros.

Galp distribui dividendo de 35 cêntimos a partir de 20 de maio

A Galp anuncia que aos acionistas que os dividendos se encontram a pagamento a partir do dia 20 de maio de 2021, com as ações a entrarem em ex-dividendo no dia 18. A “record date é a 19 de maio de 2021”, disse a empresa.

Holding da família Queiroz Pereira comprou mais 0,02% da Semapa

A Sodim, SGPS comunicou à Semapa – Sociedade de Investimento e Gestão, SGPS, “que hoje adquiriu em bolsa 1.816 acções, representativas de 0,002% do capital social da Semapa”.
Comentários