BAS nomeia novo sócio

O advogado Marco Aurélio Constantino foi recentemente promovido por esta sociedade de advogados, que passa a ter uma dezena de ‘partners’.

A BAS promoveu o seu advogado Marco Aurélio Constantino a sócio e passou, assim, a ter dez partners na sua equipa. Licenciado em Direito e em Enfermagem, este profissional da advocacia tem exercido a sua atividade sobretudo nas áreas de Direito da Saúde e Ciências da Vida e Proteção de Dados.

“A nomeação do colega Marco Aurélio Constantino [na sociedade desde 2010] é um reconhecimento pelo seu contributo para a sociedade, percurso e qualidade técnica, dedicação e alinhamento demonstrado pelos valores e missão da BAS”, afirma Artur Filipe da Silva, managing partner.

Este escritório, fundado há nove anos, tem 25 advogados e é liderado por Artur Filipe da Silva, Cláudia Monge e Miguel Salvador. A firma tem edifícios nas cidades de Lisboa e do Porto e parcerias internacionais em Angola, Brasil e Moçambique.

Recomendadas

Fintechs com “misto de sensações” sobre acesso a contas bancárias

Os novos operadores da área financeira consideram que os bancos devem ir além das obrigações da diretiva dos pagamentos.

RGPD: Aplicação prática apenas nas grandes empresas?

Será muito mais benéfico para uma Google infringir o diploma europeu, pagar a coima e continuar com receitas bilionárias do que para uma startup, que se está lançar no mercado e se, por acaso, o violar o regulamento pode ir à falência.

“Falar Direito”: Veja aqui o programa desta semana

O programa de advocacia do Jornal Económico, “Falar Direito”, recebe nesta edição Vítor Marques da Cruz, sócio fundador da MC&A, que fala sobre o trabalho desenvolvido em África. Desde 2012 este escritório assessorou negócios no valor de 2,5 mil milhões de euros em Angola.
Comentários