Bayer cai fortemente em bolsa depois de anunciar provisões e contenção de custos

A empresa de Leverkusen havia já adiantado que o impacto da crise da Covid-19 no seu negócio agroindustrial seria maior do que inicialmente previsto, tendo agora anunciado novas medidas para fazer face às perdas esperadas.

Bayer

A Bayer está a experienciar fortes quedas na sua cotação bolsista, depois do anúncio da empresa de provisões de milhões de dólares e novas medidas de contenção de custos. As ações da farmacêutica atingiram hoje mínimos não vistos desde março, quando a crise do coronavírus levou a um crash das bolsas europeias.

A cotação da gigante alemã chegou a cair 12,7% em Frankfurt, nota o El Economista, deixando os títulos da empresa com um preço de 46,52 euros, algo que não acontecia desde março. Na sessão de quarta-feira, a Bayer havia fechado a valer 53,31 euros por ação.

Esta queda resulta do anúncio da deterioração de alguns ativos do negócio agroindustrial da empresa, que resultará em 5 a 9 mil milhões de euros em perdas e, consequentemente, em resultados líquidos mais fracos, tal como dividendos mais baixos por ação. Para fazer face a este choque negativo, a Bayer pretende conter custos, incluindo a diminuição da sua força de trabalho ou a saída de mercados ou marcas com performances abaixo do esperado.

Recomendadas

Vindimas 2020: na Bairrada, uvas de qualidade irrepreensível

Amanhã, será a vez de caminharmos para o interior do país, em direção aos produtores da região do Dão, com destaque para a Quinta da Taboadella, pertencente à Amorim Family Estates, e para a Quinta de Lemos.

Consumo de azeite em Portugal deve subir 7% acima da produção em 2020

As previsões são da associação de produtores nacionais Olivum, que assinala que Portugal é o primeiro país em produção de azeite virgem extra no mercado mundial.

Vindimas 2020: nos vinhos verdes, equilíbrio entre o álcool e a acidez

Amanhã, será a vez de seguir mais para sul em direção aos produtores de vinhos da região da Bairrada, com destaque para as Caves do Solar de São Domingos e para a Quinta dos Abibes.
Comentários