BCP dispara mais de 6% e ajuda PSI-20 no fim da sessão

Praça lisboeta terminou a sessão a subir 0,48%, para 5.173,88 pontos nesta segunda-feira, enquanto as suas congéneres europeias negoceiam mistas.

Benoit Tessier / Reuters

O principal índice bolsista português, PSI 20, concluiu a sessão desta segunda-feira, 10 de maio a valorizar 0,48% para 5.173,88 pontos, enquanto as suas congéneres europeias negoceiam mistas.

A fazer crescer o PSI 20 entre as principais cotadas portuguesas esteve o BCP que dispara 6,43%, para 0,13 euros, a construtora Mota-Engil que sobe 2,1%, para 1,49 euros e a Navigator que valoriza 2,45%, para 3,17 euros.

Com sinal “verde’ estão também a Jerónimo Martins que sobe 1,13%, para 15,66 euros, a Corticeira Amorim que valoriza 1,17%, para 10,38 euros, a petrolífera Galp que cresce 0,84%, para 10,23 euros e a Sonae SGPS que impulsiona 2,26%, para 0,85 euros.

A negociar com sinal ‘vermelho’ estiveram a Altri que cai 0,15%, para 6,59 euros, a EDP que desce 1,39%, para 4,56 euros e a EDP Renováveis que desvaloriza 3,96% para 18,65 euros.

As praças europeias encerraram a negociar mistas. Na Alemanha, o DAX dispara 6,50%, no Reino Unido, o FTSE 100 cai 0,06%, o francês CAC 40 valoriza 0,01%, o holandês AEX desce 0,91%. Em Espanha, o IBEX35 valoriza 0,93% e o italiano FTSE MIB cresce 0,83%.

A cotação do barril de Brent desvaloriza 0,12%, com valor de 68,20 dólares, enquanto a cotação do crude WTI desce 0,20%, para 64,76 dólares por barril.

No mercado cambial o euro valoriza 0,05%, para 1,21 dólares.

Recomendadas

OPEP + concorda no aumento da produção de petróleo em janeiro

Por forte pressão principalmente dos Estados Unidos, a OPEP + aceitou fazer qualquer coisa para combater a subida dos preços do petróleo nos mercados mundiais. A decisão demorou, para desespero dos consumidores.

Wall Street com forte recuperação depois de vencer o medo da Omicron

Os sinais, ainda muito longe de estarem consolidados, de que a nova variante da Covid-19 oriunda de África do Sul não será tão grave como o esperado, foi suficiente para libertar os investidores. Um grande dia para os mercados.

PSI-20 cai 5,2% em Novembro. Grupo EDP e Jerónimo Martins lideraram representatividade

A Jerónimo Martins (15,10%), a EDP Renováveis (13,49%) e a EDP (10,42%) foram os emitentes com maior representatividade no índice. Os dados foram divulgados pela CMVM.
Comentários