Bolsa de Lisboa em terreno positivo impulsionada por cotadas do grupo EDP

No PSI-20 os ganhos são liderados pela Mota-Engil e pelos CTT que sobem mais de 1,7%.

A bolsa de Lisboa está a ganhar 0,60% para 5.177,65 pontos na sessão desta segunda-feira.

A impulsionar os ganhos estão a EDP Renováveis e a EDP que sobem 1,71% para 19,08 euros e 1,08% para 4,57 euros respetivamente.

Os ganhos são liderados para a Mota-Engil que sobem 1,74% para 1,464 euros, seguida dos CTT que valorizam 1,72% para 4,43 euros.

Destaque para os ganhos da Navigator que sobe 0,81% para 2,98 euros e do BCP que ganha 0,70% para 0,1577 euros.

Na energia, a Galp sobe 0,66% para 9,73 euros, com a REN a valorizar 0,66% para 2,295 euros.

Do lado das quedas, a Novabase perde 3,19% para 3,940 euros, e a Ramada desce 1,64% para 6,00 euros.

 

Recomendadas

Dow Jones rompe barreira dos 35 mil pontos em dia de ganhos em Wall Street

Depois das quedas de segunda-feira, os mercados norte-americanos fecharam mais uma semana no verde, conseguindo o quarto dia seguido de ganhos e alcançando novos máximos históricos.

Carregosa defende que atual fase do ciclo económico “deverá continuar a suportar o mercado de dívida”

“Relativamente ao nosso posicionamento, e uma vez que deveremos continuar a ter estabilidade nos spreads de crédito, vemos boas oportunidades em obrigações de High Yield, convertíveis, híbridas, verdes e fallen angles. Contudo, preferimos maturidades até aos 5 anos”, diz a análise do Banco Carregosa.

Terceiro trimestre pode ver “correção de mercado entre 5% a 10%”, aponta Banco Carregosa

A análise trimestral do Banco Carregosa coloca os mercados em linha para um correção que é vista com “bons olhos”, dado o baixo impacto dos “excelentes” resultados recentes na performance dos ativos.
Comentários