Câmara do Funchal identifica 232 prédios devolutos

A intenção passa por reabilitar estes edifícios ou coloca-los no mercado de arrendamento.

A Câmara Municipal do Funchal tinha identificado inicialmente 328 prédio devolutos. Após uma audiência com os inquilinos foram retirados 96 prédios dessa lista, estando agora 232 prédios identificados, no Funchal, como devolutos.

O presidente da autarquia, Miguel Gouveia, explica que a intenção passa por permitir que estes edifícios passem por reabilitação ou que sejam disponibilizados para o mercado de arrendamento.

Miguel Gouveia sublinhou que vai ser triplicado o IMI a triplicar nestes edifícios devolutos.

A intenção passa também por corrigir situações de insegurança e insalubridade. “Pode ser agravado IMI, se se mantiver os prédios devolutos. Se for identificado que coloca em risco a segurança de pessoas e bens, pode-se utilizar ferramentas como a posse administrativa ou a expropriação. estes são instrumentos de fim de linha”, explicou o autarca.

Recomendadas

Novo líder do PS/Madeira diz que vai estar “sempre contra” o centralismo do Estado

Paulo Cafôfo, afirmou que vai estar “sempre contra” o centralismo do Estado e garantiu que o seu projeto político assenta na transparência democrática.

Mais de 100 mil testes à Covid-19 processados no laboratório do SESARAM

Desde o dia 29 de fevereiro de 2020, o Laboratório do Serviço de Patologia Clínica do SESARAM realiza o processamento de testes PCR à Covid-19 na Região Autónoma da Madeira.

Congresso dos Socialistas Madeirenses hoje e amanhã consagra Paulo Cafôfo novo líder do partido

No domingo vai haver a votação para os órgãos regionais do PS-Madeira e uma sessão de encerramento marcada para as 12h30.
Comentários