Campanário ganha mais um terreno agrícola

O caminho agrícola vai desde o Caminho do Chapim até ao Caminho do Rodes, numa extensão de 325 metros, e teve um custo de 413 mil euros, resultado de uma candidatura ao PRODERAM.

O Campanário, na Ribeira Brava, ganha mais um caminho agrícola, no Chapim. A inauguração é realizada esta quinta-feira.

O caminho agrícola, que vai desde o Caminho do Chapim até ao Caminho do Rodes, numa extensão de 325 metros, teve um custo de 413 mil euros, resultado de uma candidatura ao PRODERAM.

O objetivo deste caminho agrícola, foi de “melhoria das acessibilidades”, facilitando “ao agricultor a utilização de máquinas e equipamento agrícolas” na sua atividade, de modo a “aumentar a produtividade e rentabilidade da exploração”.

Foram também instalados novos reservatórios pré-fabricados, substituindo os que já existiam. A salvaguarda destes reservatórios é entendida como “fulcral” para garantir a continuidade das explorações agrícolas.

[frames-chart src=”https://s.frames.news/cards/fundos-comunitarios/?locale=pt-PT&static” width=”300px” id=”619″ slug=”fundos-comunitarios” thumbnail-url=”https://s.frames.news/cards/fundos-comunitarios/thumbnail?version=1554288514951&locale=pt-PT&publisher=www.jornaleconomico.sapo.pt” mce-placeholder=”1″]

Recomendadas

Madeira: PS pede a Rui Barreto e CDS-PP esclarecimentos sobre alegado financiamento ilegal

Os socialistas madeirenses consideram que os factos denunciados num trabalho da SIC são “graves e colocam em causa a ética e a transparência” exigidas a responsáveis políticos. O PS Madeira reforçam que é preciso um esclarecimento “imediato, cabal e rigoroso sobre o relacionamento entre o principal financiador do Chega e o líder do CDS-PP Madeira”.

Presidente da Assembleia da Madeira apela a partidos para “não inquinarem trabalhos parlamentares” por causa das autárquicas

O presidente da Assembleia da Madeira afirmou que “a Assembleia Legislativa é o primeiro órgão de Governo próprio. Existe para discutir as grandes questões regionais e não para discutir questões municipais ou para fazer campanha eleitoral”.

Madeira regista 20 casos positivos e 14 recuperados de covid-19

A Madeira tem 314 casos ativos de coronavírus, 22 são importados e 292 de transmissão local. Existem 84 situações em estudo pelas autoridades de saúde.
Comentários