Cascais lança programa municipal de empreendedorismo nas escolas

O programa DNA Cascais Escolas Empreendedoras quer despertar o espírito empreendedor dos mais novos.

São mais de 10 mil alunos de 50 escolas do concelho de Cascais que vão frequentar o programa DNA Cascais Escolas Empreendedoras. Este programa, que vai ter inicio na próxima segunda-feira, tem como principal objetivo fomentar o espírito empreendedor dos mais novos, fornecendo-lhes ferramentas para encararem a criação do seu próprio negócio como uma realidade para o seu futuro profissional.

“No ano em que celebramos o 10º aniversário, os nossos programas de empreendedorismo escolar irão chegar a um número recorde de 50 escolas, alcançando mais de 10 mil jovens. Sabemos que nem todos serão empreendedores, mas também não é esse o nosso foco. O importante é que os nossos programas tenham a capacidade de desenvolver novas atitudes junto dos jovens”, afirmou presidente da DNA Cascais, Nuno Piteira Lopes.

Como reforço para os programas de empreendedorismo escolar, a DNA Cascais renovou as suas parcerias com a Science4you, a Junior Achievement, a StartuIUPI e a Associação Inspirar o Futuro, que vão realizar ações de formação e de desenvolvimento de competências junto dos alunos.

A Science4you é uma empresa 100% portuguesa que se dedica ao desenvolvimento, produção e comercialização de brinquedos educativos e científicos, bem como à área de formação.

A Junior Achievement Portugal (JAP), uma organização sem fins lucrativos, que desenvolve o empreendedorismo, o gosto pelo risco, a criatividade, a responsabilidade, a iniciativa e a inovação junto de crianças e jovens.

O StartIUPI é, também, um projeto sem fins lucrativos que pretende desenvolver competências e atitudes empreendedoras em crianças e adolescentes.

A Associação Inspirar o Futuro é uma associação juvenil, sem fins lucrativos, que pretende desenvolver projetos inovadores na área da educação juvenil.

 

Recomendadas

Terceira edição do Prémio João Vasconcelos – Empreendedor do Ano vai permitir nomeações

Os critérios de avaliação das nomeações e das candidaturas mantêm-se como: visão e estratégia, resiliência, contributo para o ecossistema empreendedor nacional, liderança e gestão de equipa, crescimento e penetração internacional.

Este unicórnio português vai ter um evento online gratuito para partilhar dicas de gestão e tecnologia

O evento é gratuito e aberto a qualquer pessoa, mas tem lugares limitados, pelo que será necessário fazer uma inscrição.

Prio vai dar 10 mil euros a startups com soluções na área da sustentabilidade e transição energética

As três startups vencedoras ganham a oportunidade de fazer um projeto piloto com a Prio no valor mínimo de 10 mil, em que terão a possibilidade de testar as suas soluções dentro da empresa, com o apoio de uma equipa de acompanhamento para o projeto-piloto, que pode durar até 12 meses.
Comentários