Coligação Basta aprovada pelo Constitucional. André Ventura vai ser cabeça de lista às europeias

Depois de duas tentativas, os juízes do Palácio Ratton aprovaram a candidatura da coligação liderada por André Ventura.

À terceira foi de vez. O Tribunal Constitucional aprovou esta sexta-feira, 12 de abril, a Coligação Basta, depois dos dois chumbos anteriores.

André Ventura vai ser assim o cabeça de lista pela Coligação Basta às eleições europeias que vão ter lugar a 26 de maio. Os dois nomes anteriores – Chega e Europa Chega – tinham sido chumbados pelo Constitucional.

A informação foi avançada pelo próprio André Ventura ao Jornal Económico.

A Coligação Basta é constituída pelos partidos Chega, Partido Popular Monárquico (PPM), Movimento Democracia 21, Democracia Cristã e o Partido Cidadania.

 

Recomendadas

Parlamento discute hoje e vota referendo sobre a eutanásia na sexta-feira

O parlamento discute hoje e vota na sexta-feira uma proposta de referendo sobre a eutanásia, que divide direita e esquerda, mas em que há um bloco maioritário para a “chumbar”, do PS, BE, PCP, PAN e PEV.

OE2021: Federação sindical pediu alterações ao BE e ao PS

A Federação de Sindicatos da Administração Pública (FESAP) pediu hoje aos deputados do Bloco de Esquerda e do Partido Socialista que proponham alterações ao Orçamento do Estado (OE) para 2021 que respondam às reivindicações dos funcionários públicos.

Marcelo promulga diploma que reduz debates europeus na AR para dois por semestre

O Presidente da República promulgou hoje o diploma aprovado por PS e PSD que reduz os debates europeus no parlamento para dois por semestre, depois de ter vetado uma primeira versão que previa apenas um por semestre.
Comentários