Comissão Europeia abre candidaturas para 20 mil jovens de 18 anos viajarem pela Europa gratuitamente

Os candidatos selecionados poderão viajar a título individual ou em grupos constituídos, no máximo, por cinco pessoas. Por regra geral o transporte utilizado será o comboio, contudo há outros modos alternativos como autocaroo, ferry ou, “excecionalmente”, avião.

A União Europeia abriu esta quinta-feira, 7 de novembro, um novo período de candidaturas aos passes de viagem DiscoverEU, um programa que vai dar a oportunidade a 20 mil jovens de 18 anos conhecer o continente europeu entre abril e outubro de 2020 de forma gratuita. O objetivo é permitir aos jovens da União Europeia “descobrir o seu património cultural e, simultaneamente, desenvolver as suas próprias experiências e competências”, lê-se num comunicado da Comissão Europeia.

Para ser um dos contemplados do programa, todos os jovens de 18 anos cidadãos de Estados-membros da União Europeia têm até 28 de novembro de 2019 para se candidatarem à oportunidade de partir à descoberta da Europa entre 1 de abril e 31 de outubro de 2020. Até à data, foram atribuídos 50 mil passes de viagem num total de três rondas de candidaturas e 275 000 jovens.

O programa DiscoverEU permite aos jovens participar, ainda, em encontros e eventos organizados durante as viagens e receber um diário onde registar as suas experiências. As atividades em causa no próximo ano estarão subordinadas ao tema “Europa verde e sustentável”.

Para se candidatarem, os jovens têm de submeter a sua candidatura no Portal Europeu da Juventude. Posteriormente, um comité de avaliação vai decidir quem são os beneficiados, sendo que os candidatos serão informados em janeiro de 2020. A candidatura contempla um testes de cultura geral sobre a União Europeia.

Os candidatos selecionados poderão viajar a título individual ou em grupos constituídos, no máximo, por cinco pessoas. Por regra geral o transporte utilizado será o comboio, contudo há outros modos alternativos como autocaroo, ferry ou, “excecionalmente”, avião.

O programa DiscoverEu foi criado em junho de 2018. O orçamento previsto para 2020 deverá ser de 25 milhões de euros. Depois desta fase de candidaturas, aberta esta quinta-feira, a Comissão tenciona lançar uma nova ronda de candidaturas no primeiro semestre de 2020.

 

Ler mais
Recomendadas

ONU: Queda nas emissões de gases com efeito estufa em 2020 não está a reverter alterações climáticas

Apesar da ligeira diminuição no ritmo a que os gases com efeito estufa foram emitidos em 2020, fruto das restrições que visam combater a pandemia, a Organização Meteorológica Mundial avisa que este facto apenas desacelerará o ritmo das alterações climáticas, sendo profundamente insuficiente para compensar as décadas de emissões que ainda hoje persistem na atmosfera.

Comissão Europeia: “Experiência de Portugal vai ser valiosa para nós. Vai liderar a transição na Europa”

O comissário europeu do Ambiente, Oceanos e Pescas, Virginijus Sinkevičius considera que dada a experiência de Portugal em matérias ambientais, a pasta da presidência do Conselho da UE para o primeiro semestre de 2021 vai ficar em boas mãos. “Estou muito otimista em relação à presidência de Portugal no próximo ano”, afirmou.

Termoelétrica de Sines: Matos Fernandes garante formação a 400 trabalhadores

A menos de dois meses para o encerramento da central termoelétrica de Sines, o ministro do Ambiente e da Ação Climática frisou que os cerca de 400 trabalhadores desta central serão alvos de formação para que possam integrar nos projetos de energia solar que estão a ser desenvolvidos.
Comentários