Criação de mais emprego em fevereiro anima investidores em Wall Street

Em fevereiro, foram criados 379 mil vagas de trabalho fora do setor agrícola, após um ganho de 166 mil em janeiro. O industrial Dow Jones lidera os ganhos, subindo ,060% para 31,116.88 pontos.

Os principais índices bolsistas em Wall Street arrancaram a sessão, desta sexta-feira, em alta, contrariando aquilo que se assistiu ao longo desta semana. Os investidores reagem com ânimo à criação de mais do dobro do emprego esperado nos dois primeiros meses de 2021.

Em fevereiro, foram criados 379 mil vagas de trabalho fora do setor agrícola, após um ganho de 166 mil em janeiro, anunciou o Departamento do Trabalho dos EUA. Estes resultados provocaram um movimento de subida das yields soberanas nos EUA.

Assim, o industrial Dow Jones lidera os ganhos, subindo ,060% para 31,116.88 pontos, seguindo-lhe o S&P 500 que cresce 0,50% para 3,786.45 pontos. O Nasdaq Composite acompanha com uma valorização de 0,14% para 12,741.51 pontos, enquanto que o Nasdaq 100 salta 0,26% para 12,496.83 pontos.

Os investidores reagem também à notícia de que o governo chinês estabeleceu uma meta conservadora de crescimento económico para este ano, de apenas 6%, enquanto que o mercado estimava 8,4%, mudando o seu foco do modo de recuperação para desafios de longo prazo, como controlo da dívida e redução da dependência tecnológica aos EUA, o que pode mexer com o sector.

A nível empresarial a GAP reage bem após divulgação de contas — arrancou a cresce mais 7% para 27.30 dólares — ainda que tenha mostrado evolução de vendas abaixo do esperado. A Oracle e Cisco — ambas a crescer 3,12% — mostram-se animadas com revisões em alta por parte de casas de investimento.

Já a Microsoft negoceia com cautela, subindo 0,80% para 228.77 dólares, em reação às notícias do risco de perder um contrato para fornecer 10 mil milhões de dólares em serviços de cloud para o Pentágono, um acordo que o Governo ameaçou desfazer-se por completo após anos de disputas legais, destaca Ramiro Loureiro, analista de mercados do BCP investment banking.

Ler mais

Recomendadas

Novos impostos sobre capital arruínam o dia em Wall Street

Não é uma notícia confirmada, apenas um rumor: a administração Biden pode estar a preparar novos impostos sobre os grandes salários e sobre os rendimentos do capital. Wall Street tremeu de imediato.

“Mercados em Ação”. “Principal fator para a força do euro é a fraqueza do dólar”

“Penso que os dois fatores contribuem. O principal fator que contribui para a força do euro será a fraqueza do dólar, neste momento. Claro que temos também o aumento do apetite pelo risco”, salientou o analista sénior Ricardo Evangelista no programa da JE TV.

Grupo EDP dispara em bolsa em reação ao compromisso de redução de emissões em 50% dos EUA

O grupo energético português juntou-se a mais 406 empresas que pediram à administração de Joe Biden que assumisse compromissos climáticos mais “ambiciosos” no dia em que decorre a Cimeira para o Clima.
Comentários