De Gedson a Jovane. Jogo Económico debate como potenciar os jovens talentos do futebol português

Hoje, a partir das 21h00, no site do Jornal Económico, vamos debater como os clubes podem rentabilizar os jovens talentos do futebol português. João Marcelino, Luís Miguel Henrique e o convidado Luís Cristovão, analista de futebol, dão a sua opinião sobre este tema.

Hoje, às 21h00, não perca mais uma edição do programa “O Jogo Económico”, o espaço de debate económico onde o desporto é ‘rei’.

Nesta edição, os comentadores residentes, o jornalista João Marcelino e o advogado e consultor Luís Miguel Henrique, moderados pelo jornalista José Carlos Lourinho, vão debater qual a melhor forma dos clubes potenciarem os jovens talentos do futebol português e como conciliar a garantia de receitas e o proveito desportivo. Para esta edição, contamos com a participação especial de Luís Cristóvão, analista de futebol.

Como abordar a gestão dos jovens talentos do futebol português: vendê-los ainda novos ou potenciá-los para que possam dar retorno desportivo?

Que papel pode ter a Liga Revelação no desenvolvimento e na competitividade dos jovens jogadores?

Estas e outras questões vão ser debatidas na edição desta semana do Jogo Económico.

Recomendadas

Grande Prémio de Fórmula 1 em Portugal está fora do calendário para 2022

A competição que reúne milhares de fãs portugueses não virá a Portugal, segundo a imprensa italiana. Na preparação do calendário de 2022, que tem várias novidades, os organizadores da prova terão deixado de fora Portimão que, apesar de bem-sucedido, não foi suficientemente apelativo para regressar pelo terceiro ano consecutivo.

“Forbes” atualiza lista dos futebolistas mais bem pagos do mundo. CR7 destrona Messi

De Inglaterra a Espanha, passando por França e, surpreendentemente, com um jogador que atua no Japão, conheça a lista dos 10 futebolistas mais bem pagos do mundo.

FPF lança Fan Token oficial da Seleção Nacional

A Federação esclarece que estes $POR Fan Tokens estão disponíveis para compra na aplicação Socios.com e que os detentores desses ativos digitais poderão ganhar a possibilidade de interagirem com a equipa “de uma forma nunca antes vista”.
Comentários