Dos Amorim aos Soares dos Santos: estes são os rostos de mais de 12% do PIB português

A revista Forbes divulgou a lista dos 10 mais ricos em Portugal que, em conjunto, detêm mais de 12% do PIB nacional.

É a segunda vez que a revista Forbes elabora este ranking, que percorre diferentes setores, e caras mais ou menos conhecidas do grande público. Da indústria à tecnologia, da moda ao mundo do futebol, a lista deste ano é composta por 36 homens e 14 mulheres, que são donos de fortunas líquidas acima dos 190 milhões de euros.

A lista, que este ano inclui várias novidades, continua a ser liderada por Fernanda Amorim, a pessoa mais rica de Portugal que soma uma fortuna de 4173 milhões de euros. A família da Jerónimo Martins detém três posições na lista: o segundo é ocupado por Alexandre Soares dos Santos enquanto que o sexto e sétimo são detidos por Maria Isabel Martins dos Santos e Fernando Figueiredo dos Santos, com uma fortuna de 574 milhões e 529 milhões de euros, respetivamente.

Luís Amaral, principal acionista da retalhista polaca Eurocash, aparece em oitavo posição com uma fortuna avaliada em 527 milhões de euros e o CEO do Grupo Luís Vicente, o próprio, ocupa a nona posição com 525 milhões na conta.

Fora do Top 10, destaque para Paulo Rosado, líder da Outsystems, que acumula uma fortuna acima dos 300 milhões de euros; Manuela Medeiros, fundadora e líder da Parfois, com uma fortuna de 290 milhões de euros; e para duas estrelas do mundo do desporto: Cristiano Ronaldo, dono de uma fortuna líquida de 439 milhões de euros, e o “super agente” Jorge Mendes, que através da Gestifute e de vários investimentos imobiliários acumula uma fortuna de 263 milhões de euros.

A edição de julho/agosto da revista Forbes Portugal chega às bancas esta quarta-feira, 3 de julho e conta com o líder e fundador da Farfetch na capa, José Neves.

Relacionadas

Forbes Portugal: famílias Amorim, Soares dos Santos e Silva Ribeiro lideram lista dos mais ricos

Maria Fernanda Amorim (Grupo Amorim) continua a ser a pessoa mais rica de Portugal, com uma fortuna avaliada em 4.173 milhões de euros, tendo como principais activos: Galp, Corticeira Amorim, Tom Ford e imobiliário. Mas a lista deste ano tem muitas novidades. Destaque para Luís Amaral, principal acionista da retalhista polaca Eurocash (e maior acionista do Observador).
Recomendadas
Universidade Aveiro

Top 15: as universidades e os cursos com as notas mais altas

Nos primeiros lugares do Concurso Nacional de Acesso 2019 figuram quatro cursos de Engenharia: Aeroespacial e Física e Tecnológica, do Técnico, Bioengenharia e Engenharia e Gestão Industrial, da FEUP.

Pobreza, crime e poluição: Estas são as 10 piores cidades do mundo para se viver

Instabilidade política, poluição, pobreza e criminalidade são apenas quatro dos vários motivos para que estas cidades sejam consideradas as piores.

Tecnologia importa nos RH mas contacto pessoal prevalece para 93% dos profissionais

Os profissionais de recrutamento, apesar de recorrerem à IA, não descartam a importância do contacto pessoal entre o candidato. Mais de metade das equipas admite que um ‘tête-à-tête’ é essencial numa entrevista de emprego, de acordo com a consultora Robert Walters.
Comentários