EDP emite 500 milhões de euros em dívida verde

A elétrica já emitiu 2.100 milhões de euros de green bonds em menos de um ano. Esta é a terceira emissão de obrigações verdes por parte da elétrica. Dívida destina-se a financiar projetos de energia eólica e solar.

Cristina Bernardo

A EDP está hoje no mercado a vender 500 milhões de euros em dívida verde. Esta é a terceira emissão de obrigações verdes por parte da elétrica.

A emissão com uma maturidade de sete anos está a ser noticiada pela agência Bloomberg esta terça-feira, 10 de setembro. O preço da emissão será fixado ainda hoje.

As obrigações verdes (green bonds) destinam-se a financiar projetos renováveis – eólicos e solares – da EDP Renováveis.

A primeira emissão de green bonds da EDP teve lugar em outubro de 2018, com a emissão de 600 milhões de euros a oito anos. A elétrica pagou então um juro de 1,959%.

A segunda emissão de dívida teve lugar em janeiro de 2019, com a EDP a emitir mil milhões de euros. Com uma maturidade a 60,25 anos, a EDP pagou uma taxa de juro de 4,875%, com a opção do reembolso da compra daqui a cinco anos, em 2024.

 

EDP emite 1.000 milhões de euros em dívida híbrida a 60 anos

 

  • Notícia em atualização
Ler mais
Recomendadas

Lucros da banca sobem 133% em 29 anos, já o crédito a clientes subiu 862%

Desde 1990, verificou-se um aumento de concentração do sistema bancário português. Ao longo do período para o qual existe informação comparável, Portugal apresenta um nível de concentração superior ao da área do euro, o que poderá ser explicado pelo facto dos países mais pequenos tenderem a ter níveis de concentração mais elevados, explica o BdP.

Moody’s atribui ‘rating’ B2 com ‘outlook’ estável à TAP e ao empréstimo obrigacionista

Depois da Standard & Poor’s, é a vez da Moody’s iniciar a análise de ‘rating’ da companhia aérea nacional.

Moody’s atribui à dívida da TAP quinto nível de “lixo”

A agência de notação financeira norte-americana atribuiu o ‘rating’ “B2” à emissão de obrigações anunciada ontem.
Comentários