Embaixador dos Estados Unidos revela que Trump vai chumbar a OPA chinesa sobre a EDP

O diplomata escolhido por Donald Trump para Portugal avisa que a operação vai ser chumbada nos Estados Unidos. Se os chineses insistirem, George Glass avisa que o regulador para o investimento estrangeiro “tem o poder” para desmantelar a EDP nos EUA.

A oferta pública de aquisição (OPA) da China Three Gorges (CTG) sobre a EDP vai ser chumbada nos Estados Unidos da América. Donald Trump vai chumbar a operação em solo norte-americano.

George Glass revelou ao Jornal Económico que não existem condições para a operação ser aprovada nos Estados Unidos, pois é uma questão de segurança nacional.

“A EDP controla 80% da energia elétrica em Portugal. Do ponto de vista dos Estados Unidos, do ponto de vista de negócios, como do meu ponto de vista pessoal, não deve haver uma entidade estrangeira a deter a vossa energia elétrica. Deve ser controlada pela Nação ou pelos privados sob regulação nacional. Não é o caso do que está a ocorrer com a EDP”, começou por dizer o embaixador escolhido por Donald Trump para Portugal.

Esta notícia pode ser lida na edição desta semana do Jornal Económico (acesso pago).

“Por isso, opomo-nos absolutamente a esse negócio. Ora, a EDP está localizada nos Estados Unidos. Em nenhuma circunstância os chineses vão controlar o que a EDP tem nos Estados Unidos, o terceiro maior produtor de energia renovável”, garantiu o diplomata norte-americano sediado em Lisboa.

George Glass foi mesmo mais longe. Se a CTG quiser avançar depois deste aviso, a administração Trump, através do regulador para o investimento estrangeiro, tem poder para desmantelar a EDP nos Estados Unidos.

“Se a China Three Gorges insistir em continuar, o CFIUS [Committee on Foreign Investments in United States] tem o poder para impor essa venda”, declarou o diplomata.

Ler mais
Relacionadas

PremiumEmbaixador dos Estados Unidos revela que Trump vai bloquear OPA chinesa à EDP

Diplomata enviado por Trump a Lisboa diz que por motivos de segurança nacional os EUA_“opõem-se absolutamente” à tentativa da China Three Gorges de comprar os ativos norte-americanos da EDP.
Recomendadas

Da Europa à insolvência. FC Arouca fecha ‘portas’ e avança para rescisão coletiva

O clube da Serra da Freita desceu ao campeonato nacional de Portugal no último fim-de-semana e decidiu avançar com o pedido de insolvência da Sociedade Desportiva Unipessoal por Quotas (SDUQ).

Lucros da Sonae Sierra chegam aos 19,1 milhões no primeiro trimestre

No período em referência, a empresa criou a nova joint venture Sierra Balmain depois da aquisição de 50% da Balmain, uma empresa de prestação de serviços polaca.

Fundação Berardo gasta 1 milhão de euros em atividades de cariz social e tem um passivo de 998,5 milhões

De acordo com o relatório e contas da Fundação José Berardo de 2017, consultado pela Lusa, a IPSS do empresário madeirense conhecido por Joe Berardo, sediada no Funchal, gastou 1,041 milhões de euros nos “fins estatutários” da instituição, ou seja, caritativos, educativos, artísticos e científicos.
Comentários