Empresa de autocarros de Lisboa passa a fazer horários de sábado devido à greve

Num comunicado no sítio oficial da Internet, a Scotturb refere que ativou um “plano de contingência”, de modo a garantir reservas de combustível durante o maior período possível, até que a situação se normalize.

A empresa de autocarros Scotturb que opera em Sintra, Cascais e Oeiras, no distrito de Lisboa, anunciou que, a partir de hoje, todas as carreiras vão estar sujeitas aos horários de sábado, devido à greve dos motoristas.

Num comunicado no sítio oficial da Internet, a Scotturb refere que ativou um “plano de contingência”, de modo a garantir reservas de combustível durante o maior período possível, até que a situação se normalize.

A empresa de transportes rodoviários adianta ainda que não tem o abastecimento de gasóleo garantido.

A Lusa tentou, sem sucesso, contactar a empresa Scotturb para obter mais esclarecimentos.

Os motoristas cumprem hoje o primeiro dia de uma greve marcada por tempo indeterminado com o objetivo de reivindicar junto da Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram) o cumprimento do acordo assinado em maio, que prevê uma progressão salarial.

A greve foi convocada pelo Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) e pelo Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias (SIMM), a que se associou o Sindicato dos Trabalhadores de Transportes Rodoviários e Urbanos do Norte (STRUN).

O Governo decretou serviços mínimos entre 50% e 100% e declarou crise energética, que implica “medidas excecionais” para minimizar os efeitos da paralisação e garantir o abastecimento de serviços essenciais como forças de segurança e emergência médica.

Ler mais
Relacionadas

“Deste lado não há greve”. Longas filas de espera para abastecer em Espanha

Neste âmbito, a confederação espanhola CETM aconselha os motoristas que operam em Portugal ou circulem nas estradas portuguesas a tomarem medidas e organizarem bem as suas rotas de viagem face aos possíveis engarrafamentos e paragens de trânsito.

Greve dos motoristas: Profissionais da GNR acusam António Costa de contrariar “princípios da democracia”

“Considera-se lamentável que o senhor primeiro-ministro tenha demonstrado que claramente desrespeita a dignidade profissional daqueles que servem a Guarda”, indicou a Associação em comunicado, voltando a manifestar-se contra a ideia de recorrer a profissionais da GNR para conduzir veículo pesados de transporte de matérias perigosas.

Marcelo e Costa reúnem-se em Belém para discutir greve dos motoristas

A reunião extraordinária entre o primeiro-ministro e Presidente da Republica está marcada para as 15h30, no Palácio de Belém.

Um em cada três postos da Auchan estão fechados

O grupo Auchan conta com 29 postos de abastecimento de combustível em Portugal. Fonte da retalhista disse à Lusa que está previsto que os 30% de postos encerrados reabram “até final do dia”.

Fármácias reforçaram stocks antes da greve para evitar ruturas

As farmácias reforçaram os stocks de medicamentos (sobretudo dos mais procurados) nos primeiros sete dias de agosto.
Recomendadas

Exportações portuguesas para Londres abrandam 0,2% até novembro para 3.383 milhões de euros

As exportações de bens portugueses para o Reino Unido abrandaram 0,2% até novembro, face a igual período de 2018, para 3.383 milhões de euros, enquanto as importações subiram 13,2% para 1.972 milhões de euros.

Governo britânico vai enfrentar desafios orçamentais e económicos devido ao Brexit

O governo britânico pode reivindicar vitória ao concretizar o Brexit a 31 de janeiro mas, resolvido o divórcio entre Reino Unido e União Europeia, falta negociar a relação futura e anteveem-se potenciais escolhas difíceis com impacto no orçamento britânico.

Oficial. Rainha Isabel II promulga saída do Reino Unido da UE

A Rainha aprovou a proposta do primeiro-ministro Boris Johnson e a saída do Reino Unido da União Europeia fica inscrita na legislação britânica.
Comentários