Premium“Empresas da Zona Franca estão a reagir bem ao novo regime”

TPMc trabalha com 160 empresas que estão instaladas na Zona Franca. Diretora geral diz que o novo regime, que entra em vigor no próximo ano, está a ser encarado de forma “positiva” pelos clientes internacionais.

A TPMc nasce em 1995 através de quatro sócios, com origem na Suíça, Itália e Inglaterra. Atualmente representa cerca de 160 clientes, estando a sua atividade cem porcento ligada ao Centro Internacional de Negócios (CINM), vulgarmente conhecido como Zona Franca.

“A empresa nasce pela necessidade de o mercado ter uma empresa que ajudasse a cumprir as obrigações de contabilidade e que também orientasse em tudo o resto. Desde a parte administrativa, emissão de faturas, contratação de pessoas, formação das pessoas em termos administrativos, na parte legal. Tudo o que uma sociedade necessita para trabalhar normalmente todos os dias. Porque, na prática, as sociedades da Zona Franca são sociedades normalíssimas, que trabalham diariamente, como todas as outras, e que têm necessidade de fazer todas as diligências como qualquer outra sociedade”, explica Tânia Castro, diretora-geral da TPMc.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor. Edição do Económico Madeira de 4 de outubro.

Recomendadas

PremiumPolitécnico de Santarém estreita ligação às empresas

João Moutão, presidente interino, revela ao JE a criação de um programa de inovação pedagógica. Alunos vão ajudar empresas em problemas concretos.

PremiumTrump volta à melhor forma com crise racial a somar-se à de saúde

No limite, os confrontos por causa da morte de George Floyd vão fazer com que o presidente consiga provar aos norte-americanos que, como a resposta à pandemia, tudo não é mais que um ‘complot’ dos democratas

PremiumAntónio Costa Silva, o engenheiro da recuperação

Do petróleo e da poesia para o lugar de paraministro. O gestor que o primeiro-ministro chamou para desenhar o plano para recuperar a economia é um engenheiro de topo, mas enquanto poeta escreve sobre as palavras, os beijos e a beleza. O conhecimento profundo sobre temas abrangentes, aliado à modéstia e ao rico sentido de humor, resulta em elogios por parte de quem o conhece há anos. “Não há pessoa que não goste dele”, garantem.
Comentários