Energéticas e retalhistas castigam PSI-20. Europa acompanha no ‘vermelho’.

Os principais índices bolsistas europeus prosseguem a manhã desta terça-feira a negociar em baixa, castigadas pelas quedas algo expressivas nos sectores da banca e de viagens e lazer.

Os principais índices bolsistas europeus prosseguem a manhã desta terça-feira a negociar em baixa, castigadas pelas quedas algo expressivas nos sectores da banca e de viagens e lazer. Por cá, o PSI-20 derrapa 0,56% para 4.984,37 pontos com apenas três cotadas a negociar no verde.

No sector energético, apenas a EDP Renováveis sobrevive à pressão, subindo 0,20% para 19,69 euros, enquanto que a EDP cai 0,60% para 5,00 euros e a Galp Energia tomba 0,89% para 9,56 euros.

Também as retalhistas negoceiam no ‘vermelho’. A Jerónimo Martins perde hoje 0,93% para 14,32 euros e a Sonae desvaloriza 0,31% para 0,7985 cêntimos. Já o BCP perde 0,52% para 0,1154 cêntimos.

No entanto, o destaque vai para a Pharol, que representa neste meio da sessão a queda mais expressa, tombando 3,14% para 0,1050 cêntimos.

Além da EDPR, os CTT também registam ganhos ligeiros, subindo 0,43% para 3,52 euros e a Ramada que cresce 0,36% para 5,64 euros.

Entre as principais bolsas europeias, o sentimento negativo também pressiste, com o Euro Stoxx 50 a cair 0,97% para 3.980,90 pontos e  o Stoxx 60 a deslizar 0,99% para 437,82 pontos.

Já o IBEX 35, a praça que mais perde esta manhã, cai 1,63% para 8.569,00 pontos, penalizado pelo sector bancário. Em França, onde o CAC40 tomba 1,29% para 6.215,78 pontos, dá-se destaque à Faurecia que sobe mais de 2%, à semelhança da Volkswagen e da BMW, ambas a negociar no DAX, em Frankfurt (-0,76% para 15.250,10 pontos).

Por sua vez, as empresas ligadas ao tabaco, como British American Tobacco e Imperial Brands mostram-se castigadas por relatos de que Governo Biden está a considerar uma regra para reduzir os níveis de nicotina nos cigarros. Desta forma, o FTSE 100 cai 1,06% para 6.925,94 pontos.

Ler mais

Recomendadas

Dow Jones e S&P 500 terminam semana de ganhos com novos recordes

Uma das cotadas que se destacaram em Nova Iorque foi a tecnológica Roku, que disparou mais de 11% depois de apresentar bons resultados trimestrais.

PSI-20 fecha semana no ‘verde’ com CTT a dispararem quase 10%

Praça lisboeta terminou a sessão a valorizar 1,16%, para 5,150.59 pontos nesta sexta-feira, seguindo a tendência das congéneres europeias.

Wall Street abre em terreno positivo e ignora dados do emprego nos EUA

A sessão desta sexta-feira também abriu com as empresas de tecnologia e de vacinas a verde. É disso exemplo Twitter, Apple, Johnson & Johnson ou AstraZeneca.
Comentários