Ex-CEO da Uber investe em startup que cria hotéis por impressão 3D

Travis Kalanick foi um dos participantes na ronda de investimento de 20 milhões de dólares da Habitas.

A startup Habitas, que constrói os seus quartos de hotel no México através de tecnologia sde impressão a três dimensões (3D) fechou uma ronda de financiamento de 20 milhões de dólares (cerca de 18 milhões de euros) para expandir o negócio para a Ásia, Médio Oriente e África.

Entre os investidores esteve o antigo CEO da Uber Travis Kalanick, que apostou na empresa de hotelaria através do seu fundo de investimento pessoal “10100” (que se pronuncia “dez-cem”), noticia o jornal britânico “Financial Times” (FT).

Além de Travis Kalanick, participaram nesta ronda empresários como Justin Mateen, cofundador da aplicação Tinder, Tim Steiner, diretor-executivo da cadeia de supermercados online Ocado, o bilionário indiano Div Turakhia e outros investidores da tecnologia, entre os quais Maurice Salem, Shervin Pishevar, Mike Novogratz e Jonathan Teo.

A Habitas consegue fabricar cerca de 100 quartos por mês e testou o conceito de “hotel impresso em 3D” na zona de Tulum, no México.  As estruturas-base das salas são embaladas e enviadas para o local pretendido, onde ainda podem ser personalizadas para se ajustarem ao ambiente. “Nós montamo-las como Lego”, explicou o cofundador Oliver Riplay, em declarações citadas pelo FT. O novo montante vai permitir a startup expandir o modelo de negócio além-fronteiras.

Uber Portugal: “A demissão de Travis não foi encarada de ânimo leve”

Ler mais
Recomendadas

Mais de 10 mil pessoas protegidas pelo seguro Covid-19 da Tranquilidade/Generali

O produto destina-se a empresas que pretendem proteger os trabalhadores, sobretudo as que continuam em atividade nos seus edifícios e o risco de infeção é superior. Lançado há 10 dias, foi desenvolvido em parceria com a AdvanceCare e garante um subsídio diário de 100 euros por cada dia de hospitalização por esta doença.

Executivo ultima propostas para apoiar os media, mas falta consenso no setor

Media vão receber apoios estatais para enfrentar crise gerada pela pandemia da Covid-19. Governo anuncia apoios “em breve”.

Leia aqui o Jornal Económico desta semana

A edição digital do Jornal Económico vai estar disponível gratuitamente durante as próximas semanas, devido à situação de emergência nacional causada pela epidemia de Covid-19. Desta forma, todos os leitores continuarão a ter acesso ao Jornal Económico.
Comentários