Falta de profissionais, fraco investimento e excesso de horas levam médicos a abandonar SNS (com áudio)

Em média, abandonam o SNS dois médicos por dia. Entre maio e outubro, mais de 400 médicos saíram do SNS por falta de condições e excesso de horas extras trabalhadas e não remuneradas.

Mais de 400 médicos deixaram o Serviço Nacional de Saúde (SNS) desde que terminou o estado de emergência, denuncia a “CNN Portugal”. Entre as causas para o abandono, os médicos queixam-se de falta de condições, falta de profissionais, excesso de horas extras e o fraco investimento em hospitais públicos.

A saída de dois médicos dos hospitais públicos por dia é também apontada pelo bastonário da Ordem dos Médicos. Miguel Guimarães fala dos baixos salários, a falta de respeito por parte da tutela e do envelhecimento da população para os fatores que levam os profissionais a trocar o serviço público pelo privado.

Dados da Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) a que a “CNN Portugal” teve acesso mostram que maio foi o mês com mais pedidos de saída, totalizando 104 desvinculações. Seguem-lhe julho (78), setembro (77), agosto (55), junho (48) e outubro (42).

O bastonário da Ordem dos Médicos aponta mesmo que o SNS se precisa de modernizar. “Falta motivação, falta acesso a inovação, terapêutica e tecnológica”, sendo que é preciso tornar o “SNS mais atrativo” para os profissionais de saúde.

Recomendadas

JE Notícias. Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo esta sexta-feira.

O Jornal Económico num minuto

O Jornal Económico desta semana já está disponível nas bancas de todo o país e na plataforma JE Leitor, para os nossos assinantes digitais.

Alemanha em mudança com foco no novo ministro das Finanças. Ouça o podcast “A Arte da Guerra” com Francisco Seixas da Costa

Do novo Governo da Alemanha ao divórcio entre eleitores e poder político na Argélia passando pelos conflitos entre Reino Unido e França com o Brexit pelo meio. Tensão é a palavra que marca esta edição do podcast do JE, que conta com a análise do embaixador Francisco Seixas da Costa.
Comentários