Farmacêutica Sanofi renova contrato com ID Logistics por mais três anos

O contrato foi renovado até 2022 para a gestão logística dos produtos da empresa em Portugal.

A multinacional farmacêutica Sanofi, um dos principais operadores logísticos a nível internacional, renovou o contrato com a ID Logistics por mais três anos para a gestão logística dos seus produtos em Portugal. Esta renovação, que, assim, se prolongará até 2022, consolida uma relação de parceria com 20 anos, desde que a Sanofi adjudicou a sua operação à ID Logistics pela primeira vez em 2000.

“O acordo inclui o lançamento de novos projetos de repackaging e uma maior abrangência e automatização do serviço de assistência a clientes, que complementarão assim o portefólio atual de serviços que a ID Logistics presta à companhia farmacêutica. Adicionalmente, o operador garantirá, entre outros, a implementação do projeto de serialização, que foi colocado em marcha em 2019, através de um modelo de ‘contract management'”, destaca um comunicado da ID Logistics.

O mesmo documento adianta que a ID Logistics “conta com mais de 20 anos de experiência em logística farmacêutica”.

“Com uma quota de mercado na ordem dos 34%, a ID Logistics reforça o seu posicionamento como um dos principais players logísticos do setor em Portugal”, salienta o referido documento.

Nas palavras de Hugo Oliveira, country manager da ID Logistics Portugal, “a confiança que a Sanofi deposita em nós uma vez mais impulsiona-nos no desenvolvimento contínuo de esforços e na manutenção da excelência na qualidade dos nossos serviços”.

“Sentimo-nos verdadeiramente orgulhosos por preservar uma relação de 20 anos com uma empresa líder no setor farmacêutico, algo que, sem dúvida, nos ajuda a manter a estratégia de crescimento”, assinala aquele responsável.

Por seu turno, Anabela Vaz, diretora de supply chain’da Sanofi, assegura que “confiamos a gestão da nossa operação logística à ID Logistics pela segurança, personalização e vasto conhecimento que tem do mercado farmacêutico”.

“Reflexo disto foram as ações postas em marcha este ano, como foi o caso do projeto de serialização, uma importante normativa europeia, com a qual nos ajudaram desde o início. Em relação ao futuro, continuaremos a desenvolver ações conjuntas que nos permitam disponibilizar novos serviços aos nossos clientes”, conclui aquela responsável.

Ler mais
Recomendadas

CTT comunica compra de títulos pelo CEO

A empresa responsável pelo serviço de correio no território nacional esclarece que, por lapso, a transação em causa não havia sido comunicada na altura em que foi consumada, em novembro do ano passado.

Uber Eats reuniu 77% das reclamações dos consumidores em 2020

De acordo com a organização, março foi o mês em que se verificou a maior variação de crescimento face a 2019, com uma taxa de 617%, visto que foi o mês em que foi declarado o estado de emergência.

Mercadão vai recrutar mais 200 pessoas para responder ao crescimento das entregas

O marketplace, que entre outras assegura o serviço do Pingo Doce, conta atualmente com cerca de 700 ‘shoppers’, dos quais mais de metade recrutados durante o primeiro confinamento.
Comentários