Fisco alerta para emails falsos sobre IRS que devem ser ignorados

“Em caso algum deverá efetuar essa operação”, adverte a Autoridade Tributária.

A Autoridade Tributária (AT) emitiu um novo alerta sobre correio eletrónico falso enviado em seu nome a contribuintes, nomeadamente sobre consulta IRS, apelando para que sejam ignorados tais mensagens e que não se carregue no ‘link’ malicioso.

No portal das Finanças, o fisco diz ter conhecimento de que “alguns contribuintes” que têm recebido mensagens de correio eletrónico supostamente provenientes de endereços como AutoridadeTributaria@helpdeskpt.xyz ou AutoridadeTributaria@payplall.com, com o assunto “AT — Consulta IRS”, nas quais é pedido que se carregue num link que é fornecido.

Depois de facultar um exemplo do corpo da mensagem, adverte que estas mensagens “são falsas e devem ser ignoradas”, e que o seu objetivo é convencer o destinatário a “aceder a páginas maliciosas” carregando nos ‘links’ sugeridos.

“Em caso algum deverá efetuar essa operação”, adverte a AT, no alerta publicado, recomendando ainda a leitura do folheto informativo sobre segurança informática disponível no portal das finanças.

Os alertas do Fisco sobre sms ou emails falsos é cada vez mais frequente e, ainda em março, alertou para a existência de mensagens de correio eletrónicas fraudulentas com o endereço “portal das finanças”, pedindo também aos contribuintes para não abrirem o ‘link’ sugerido.

Recomendadas

Saiba que cuidados deve ter nas compras em redes sociais

Durante o tempo de pandemia, a DECO recebeu inúmeras queixas relativas a pagamento de produtos que nunca chegaram, dados falsos fornecidos pelos vendedores, devoluções que não foram bem-sucedidas e de impossibilidade de reclamação ao vendedor condicionado pelo bloqueio do mesmo.

Trabalhadores em ‘burnout’? Microsoft partilha 5 dicas para ajudar a recarregar energias

Face ao agravamento do cenário de burnout entre os trabalhadores, a Microsoft partilhou com os líderes nacionais algumas dicas úteis que poderão ajudar os colaboradores a recuperar do cansaço e do stress.

Dia Nacional dos Avós: algumas dicas para poupar e investir

Guardar o pé-de-meia debaixo do colchão já não é a estratégia utilizada, mas para aplicar o dinheiro em fundos de poupança/investimento ou outro produto financeiro, os idosos precisam ter muita cautela e analisar cuidadosamente a forma e o local em que farão a sua aplicação.
Comentários