Fundações e energéticas apoiam criação de ventilador pulmonar português

EDP, REN e fundações Calouste Gulbenkian e La Caixa/BPI vão auxiliar o desenvolvimento deste equipamento, que está a ser criado no centro CEiiA.

Já são conhecidas as quatro primeiras entidades a apoiar o protótipo de ventilador pulmonar que está a ser desenvolvido por engenheiros portugueses do centro CEiiA. As empresas EDP – Energias de Portugal e a REN – Redes Energéticas Nacionais e as fundações Calouste Gulbenkian e La Caixa/BPI vão dar a mão ao chamado projeto “Atena”, que pretende responder à emergência causada pela doença Covid-19.

O CEiiA, um dos maiores investidores em I&D do país, considera que este auxílio é decisivo para que os hospitais nacionais consigam ter, no próximo mês de maio, 100 unidades do modelo de ventilador mecânico invasivo. O equipamento está a ser desenvolvido por engenheiros, intensivistas, pneumologistas, anestesistas e internistas de unidades hospitalares públicos e privadas do norte e sul, em parceria com a Escola de Medicina da Universidade do Minho. A missão é salvar a vida de quem entra em falência respiratória aguda.

“Temos consciência de que se trata de uma meta ambiciosa mas temos um desafio maior pela frente, o valor da vida, e para isso é necessário que existam nos hospitais os ventiladores necessários para que não seja necessário fazer escolhas em função da idade”, afirma José Rui Felizardo, CEO do CEiiA.

A comunidade médica exige que a ferramenta seja de fácil, segura e intuitiva utilização, e movimentação, bem como simples de limpar e descontaminar. Em termos técnicos, deve garantir o seu funcionamento contínuo sem falhas por um período mínimo de 15 dias, 24 horas por dia, e ser compatível com outros componentes médicos, segundo a informação divulgada pelo centro localizado em Matosinhos.

“Estão a fazer um esforço ativo para nos ajudarem a enfrentar esta pandemia. E estão a demonstrar que ainda bem que investimos na formação e no desenvolvimento tecnológico e científico porque nestes momentos críticos essa capacidade e esse conhecimento têm múltiplas aplicações”, disse recentemente o primeiro-ministro, António Costa, aquando de uma visita a este centro de engenharia e excelência.

Recomendadas

SpaceX envia recorde de 143 satélites num único foguete que leva também cinzas humanas

A SpaceX enviou hoje um recorde de 143 satélites num único foguete, como parte do novo programa de carga partilhada entre empresas a um custo mais baixo, entre elas a funerária Celestis, que mandou cápsulas de cinzas humanas.

PremiumGrupo Mota-Engil tem em ‘pipeline’ contratos de quatro mil milhões de euros

Mais uma vez, o concurso de maior dimensão financeira pode vir da Nigéria, para a construção de uma ponte na capital, no valor de 1,9 mil milhões de euros.

PremiumDireitos televisivos: centralizar dá mais dinheiro e competitividade

Decreto-lei avança nas próximas semanas e dá o ‘pontapé de saída’ para a Liga portuguesa ficar na rota das melhores práticas europeias. Advogado Luís Cassiano Neves diz que as vantagens e desvantagens vão depender do ambiente económico que se irá viver na época 2028/29.
Comentários