Gestor português do Canada Pension Plan considerado o melhor investidor europeu com menos de 40 anos (com áudio)

Paulo Merino, principal/portfolio Manager da CPP Investments Board (Canada Pension Plan Investment) foi escolhido pelo Financial News, em Londres, como o melhor investidor europeu com menos de 40 anos.

Paulo Merino, principal/portfolio Manager da CPP Investments Board (Canada Pension Plan Investment) foi escolhido pelo Financial News, em Londres, como o melhor investidor europeu com menos de 40 anos. O prémio dos 25 melhores investidores Europeus com menos de 40 anos da Financial News é um dos mais conceituados internacionalmente.

O prémio atribuído virtualmente no dia 20 de Setembro será entregue numa cerimónia no dia 21 deste mês, em Londres.

O CPPIB é um dos maiores fundos de investimento do mundo e Paulo Merino é responsável pela gestão do fundo que investe em carteiras de ativos problemáticos que os bancos põem à venda na Europa, como crédito malparado (non-performing loans  – NPL) ou sub-performing loans (crédito em risco).

Entre outros investimentos Paulo Merino foi responsável, em nome da CPP Investment, pela compra da maior carteira de NPL feita na Europa nos últimos 18 meses, e que se traduziu num investimento de 2 mil milhões de euros.

O CPP Investments Board gere 5 mil milhões de euros de ativos problemáticos, o que representa perto de 1% do que gere o Canada Pension a que pertence aquele fundo.

Segundo um estudo recente da Willis Towers Watson, o Canada Pension está entre os 20 principais fundos de pensões (em milhões de dólares), ocupando o oitavo lugar com ativos totais de cerca de 400 mil milhões de dólares (390,5 mil milhões de dólares de ativos totais a 31 de março de 2021).

Recomendadas

Wall Street encerra ‘mista’ com destaque para sector tecnológico

A Visa foi uma das empresas que mais prejudicou o Dow Jones que, pela primeira vez em quatro dias, encerrou em terreno negativo. As ações da Visa caíram 6,93% após emitir uma perspetiva de receita que alguns analistas consideraram “conservadora”.

Bolsa portuguesa acompanha tendência europeia e encerra em terreno negativo

BCP, que divulga esta quarta-feira contas, e Galp Energia empurram o PSI-20 para o ‘vermelho’. Em terreno positivo, destacam-se a EDP e EDP Renováveis, que encerraram o dia a valorizar 0,99% para os 4,89 euros e 1,44% para os 24,02 euros, respetivamente.

EDP Brasil entra oficialmente numa bolsa espanhola

A empresa (detida em 52% pelo grupo EDP) passa a negociar na Latibex, o único índice bolsista internacional focado exclusivamente em títulos da América Latina negociados em euros.
Comentários