Higienização e desinfecção do Metro de Lisboa recebe certificado de qualidade

A higienização e limpeza das estações de metro e do material circulante – máquinas de venda de títulos de transporte, validadores, corrimãos das escadas mecânicas e pedonais – foi distinguida pela agência mundial em inspeção.

O Metropolitano de Lisboa viu reconhecida a eficácia da higienização e da limpeza das suas estações e do material circulante pela SGS, entidade competente e independente, através do serviço “In Partnership With”.

De acordo com a nota oficial, divulgada esta segunda-feira, a presente auditoria, agora finalizada, envolveu a análise dos produtos utilizados, a metodologia e frequência das ações de higienização, bem como os ensaios de carga biológica e por marcação fluorescente, na totalidade das estações e composições do Metro de Lisboa confirmando, assim, que o Metropolitano de Lisboa é um operador de transporte higienizado e seguro, e que todos podem viajar com confiança.

Foi dada, igualmente, especial atenção aos pontos mais críticos, como sejam as máquinas de venda de títulos de transporte, validadores, corrimãos das escadas mecânicas e pedonais, elevadores, varões, pegas das composições e todos os locais em que se verifica um maior contacto por parte dos clientes do Metro de Lisboa.

O Conselho de Administração do Metropolitano de Lisboa, congratulando-se com este reconhecimento, afirmou que “a presente certificação vem reforçar a importância de o Metropolitano de Lisboa continuar a ser reconhecido como um meio de transporte estruturante para a mobilidade da cidade de Lisboa, garantindo condições segurança e de saúde adequadas aos seus clientes e trabalhadores”.

Em comunicado, a administração do Metro salienta que “com o conjunto de medidas internas e externas já implementadas, e no estrito cumprimento das instruções emanadas pela Direção Geral de Saúde, encontra-se em alinhamento com as melhores práticas implementadas noutras empresas congéneres e instituições nacionais e internacionais”.

Recomendadas

Portugal regista mais 425 casos e quatro mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas

As autoridades sanitárias contabilizaram mais 237 altas nas últimas 24 horas, elevando para 47.884 o número total de pessoas livres do vírus.

Viagens aéreas continuam sem descolar: recuperação não chega ao setor da aviação

Organizações do setor da aviação estão cada vez mais pessimistas sobre a recuperação das viagens aéreas. A pandemia, recessão económica e confusão dos passageiros sobre as diferentes medidas adotadas por vários países estão a prolongar o agonizar do setor da aviação.

Conselho da República de Cabo Verde reúne-se hoje para debater situação epidemiológica do país

Ministro da Saúde cabo-verdiano, bastonário da Ordem dos Médicos, diretor nacional da Saúde, vice-primeiro-ministro e ministra da Educação estarão presentes no encontro com Jorge Carlos Fonseca.
Comentários