Inflação homóloga subiu ligeiramente para 0,2% em julho

Relativamente ao mês anterior o Índice de Preços no Consumidor terá tido uma variação de -1,3% (em junho, a variação mensal foi 0,9% e em julho de 2019 tinha sido de -1,3%), adiantou o INE,

José Coelho/Lusa

A taxa de inflação homóloga subiu para 0,2% em julho, um aumento ligeiro de 0,1 ponto percentual (p.p.) face ao mês anterior,  revelou a estimativa rápida publicada pelo Instituto Nacional de Estatística (INE)  esta sexta-feira.

O indicador de inflação subjacente (índice total excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos) terá registado uma variação de 0,1%, taxa inferior em 0,1 p.p. à registada no mês anterior. A taxa de variação homóloga do índice relativo aos produtos energéticos terá sido -5,3% (-7,4% em junho).

A variação média nos últimos doze meses é estimada em de 0,1%, valor igual ao registado no mês precedente, explicou o INE.

O Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) português terá registado uma variação homóloga nula (valor inferior em 0,2 p.p. ao registado em junho).

Os dados definitivos referentes ao IPC do mês de julho serão publicados no próximo dia 12 de agosto.

[Atualizada às 9h56]

Ler mais

Recomendadas

BEI e Afreximbank com 300 milhões de euros para apoiar resposta africana

O Banco Europeu de Investimento (BEI) e o Banco Africano de Exportações e Importações (Afreximbank) anunciaram esta quarta-feira que vão atribuir um financiamento de 300 milhões de euros para o combate à pandemia da Covid-19 em África.

Linha de apoio a micro e pequenas empresas disponível a partir desta quarta-feira

Para se poderem candidatar, as empresas terão de apresentar uma quebra abrupta e acentuada de pelo menos 40% da sua faturação, e não poderão ter beneficiado das anteriores linhas de crédito com garantia mútua. A SPGM avisa que as empresas em dificuldades não podem ter sede em países ou regiões com regime fiscal mais favorável (‘offshore’)”.

Portugal concede moratória a Cabo Verde e a São Tomé e Príncipe sobre empréstimos diretos

A adoção desta medida de suspensão do pagamento de capital e juros vai determinar uma negociação, até setembro, de acordos de moratória com estes dois países africanos de língua oficial portuguesa, e o estabelecimento de novo plano e condições de empréstimos, refere o Governo.
Comentários