Investidores indecisos em Wall Street aguardam primeiro debate entre Biden e Trump

Em Wall Street, o industrial Dow Jones desce 0,29% para 27,505.21 pontos, o generalista S&P recua 0,04% para 3,350.06 pontos e o tecnológico Nasdaq ganha 0,07% para 11,125.46 pontos.

Lucas Jackson/Reuters

Os principais índices bolsistas em Nova Iorque, arrancaram a sessão desta terça-feira com sentimento misto no dia em que os candidatos à presidência dos EUA, Donald Trump e Joe Biden, se defrontam para o primeiro debate eleitoral (esta madrugada, às duas da manhã em Portugal).

Assim, em Wall Street, o industrial Dow Jones desce 0,29% para 27,505.21 pontos, o generalista S&P recua 0,04% para 3,350.06 pontos e o tecnológico Nasdaq ganha 0,07% para 11,125.46 pontos.

O atual inquilino da Casa Branca vai defrontar o democrata Joe Biden, esta noite, em Cleveland, Ohio, naquele que vai ser o primeiro debate eleitoral televisivo entre os dois candidatos, cinco semanas antes das eleições. As sondagens mostram Biden à frente de Trump a nível nacional e em vários Estados relevantes para a eleição.

Entre as principais subidas surge a Beyond Meat que cresce 10% depois da Walmart anunciar que vai começar a distribuir os seus hambúrgueres vegetarianos e a Fitbit que acelera 5% depois de a “Reuters” ter avançado que a Google deverá ganhar a aprovação da União Europeia para a aquisição da sua fabricante de trackers de fitness.

No lado negativo, as ações de Nikola caíram 3,9% após terem sido tornado públicas as alegações de agressão sexual feitas contra o fundador Trevor Milton, que deixou o cargo de presidente no início deste mês. As ações da Nikola caíram mais de 70% em relação ao pico no início do verão.

Além disso, as ações da Caesars Entertainment caíram 2,5% após fixar o preço do seu aumento de capital em 56 dólares por ação, o que fez com que angariassem 1,7 mil milhões de dólares. O aumento é para finalidades corporativas gerais, mas provavelmente será usado para financiar a aquisição da casa de apostas do Reino Unido William Hill.

em atualização

Ler mais

Recomendadas

PSI 20 penalizado pelos prejuízos da Galp no arranque da sessão

O PSI 20 acompanha também a tendência das principais congéneres europeias, numa altura em que o número de infetados com o novo coronavírus continua a aumentar na Europa.

Topo da agenda: o que não pode perder na economia e nos mercados esta semana

A semana será marcada pela discussão e votação na generalidade do Orçamento do Estado para 2021. Os analistas e investidores estarão ainda atentos à reunião do Banco Central Europeu e aos sinais que chegam sobre a economia, através da publicação da estimativa rápida do PIB da zona euro, do terceiro trimestre.

Preço do petróleo mantém-se baixo para além de 2021, considera Banco Mundial

“Os preços do petróleo devem aumentar muito gradualmente face aos níveis atuais e chegar a uma média de 44 dólares em 2021, subindo face aos estimados 41 dólares por barril este ano, num contexto de uma recuperação lenta da procura e um abrandamento nas restrições à oferta”, lê-se no relatório sobre a evolução das matérias-primas.
Comentários